| Futebol

Eficiência dos volantes é destaque contra Chapecoense

Autores de dois gols na vitória pela Conmebol Sul-Americana, Arão e Cuéllar tiveram grande desempenho na partida

flameng - Eficiência dos volantes é destaque contra Chapecoense

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Ainda no primeiro tempo, Gustavo Cuéllar e Willian Arão trocaram o posto de volantes para serem lançados ao ataque. Em duas chances regadas de atenção e oportunismo, os jogadores deixaram suas marcas na classificação do Flamengo para as quartas de final da Conmebol Sul-Americana, fato inédito para o Mais Querido. Além do gol, eles também ganharam destaque fazendo o que sabem de melhor.

Sócio-torcedor tem mais Flamengo em vídeos da FlaTV Nação Rubro-Negra, com entrevistas exclusivas dos jogadores! Clique e sinta o orgulho de ser sócio-torcedor.

Para o colombiano, que terminou a partida com 66 passes certos, três finalizações e quatro desarmes, a vitória foi essencial para o Flamengo. "Acredito que fizemos um grande jogo, pois todos estavam concentrados. Fizemos gols quando encontramos as oportunidades e saímos sem tomar nenhum. Isso é importante para pegarmos confiança nos próximos grandes jogos. É um ponto de partida", analisou Cuéllar.

O volante também falou sobre estar no lugar certo na hora certa. "O Rueda cobra bastante que os meias também se apresentem na área. Por sorte a bola sobrou para mim e pude aproveitar. O importante é que o Flamengo ganhou, se classificou e está confiante", celebrou o camisa 26.

 Willian Arão também comentou sobre o destaque dos volantes diante da Chapecoense. O camisa 5 terminou a partida com dois lançamentos certos, 50 passes, duas assistências para finalizações e um desarme.

"Fazemos o que o professor Rueda pede. Nossa primeira função é marcar, dar cobertura e fazer uma boa saída de bola. Porém, ele também pede para, sempre que possível, estarmos ali nos apresentando dentro da área. Saímos satisfeitos nessa noite", avaliou Arão.

Em 110 jogos oficiais pelo Flamengo, Arão tem 15 gols, sendo oito apenas em 2017, e 14 assistências. Já Cuéllar soma 67 partidas com o Manto Sagrado, marcou seu segundo gol pelo Rubro-Negro e uma assistência.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/26019/eficiencia-dos-volantes-e-destaque-contra-chapecoense

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.