EI: “Jean Lucas cresce no comando de Barbieri, deixa Arão para trás e ganha mais chances”

EI: “Jean Lucas cresce no comando de Barbieri, deixa Arão para trás e ganha mais chances”

​Desde os tempos de categoria de base, Jean Lucas é tratado como joia no Flamengo. As oportunidades demoraram a chegar para o volante no profissional, mas, sob o comando do técnico interino Mauricio Barbieri, o jogador de 19 anos está tendo espaço para entrar no decorrer das partidas na frente de Arão, titular na temporada passada e em alguns jogos em 2018.

Nos cinco últimos jogos do Flamengo, contra América-MG, Santa Fe-COL, Ceará, Ponte Preta e Internacional, respectivamente, Jean Lucas só não entrou na partida diante da equipe colombiana, pela Libertadores. Neste confronto, inclusive, foi a última que o experiente Arão participou. Ele foi escalado entre os titulares e atuou durante os 90 minutos, mas não teve uma boa atuação.

Barbieri, internamente, costuma fazer elogios a Jean Lucas pela categoria que o jovem possui e pela vontade demonstrada durante os treinamentos.

Primeiro ano de profissional:

Jean Lucas iniciou na temporada a transição da base para o profissional, como é feito com os demais atletas. O volante foi promovido, de fato, em janeiro, antes mesmo de acertar a sua renovação de contrato com o Flamengo até dezembro de 2021. 2018, portanto, é o primeiro ano do jogador entre os profissionais e o saldo, até o momento, é positivo.

A estreia entre os profissionais aconteceu no dia 17 de janeiro, no jogo contra o Volta Redonda, pelo Campeonato Carioca. O jovem foi escalado entre os titulares e foi substituído aos 40 minutos do segundo tempo.

Time europeu tentou a contratação de Jean Lucas:

​Ainda nos tempos de base, Jean Lucas entrou na mira do Valencia. O time espanhol chegou a entrar em contato com o staff do volante e expressou o desejo de contratar o jogador. O Flamengo, assim que soube do interesse, descartou qualquer possibilidade de negociação.

Reprodução: Esporte Interativo