Elenco do Fla vale quase quatro vezes mais que do Santa Fe, segundo site alemão

Elenco do Fla vale quase quatro vezes mais que do Santa Fe, segundo site alemão

O Flamengo vai enfrentar o Independiente de Santa Fe-COL na noite desta quarta-feira (18) no Maracanã. A partida será válida pela terceira rodada da Copa Libertadores da América e terá início às 21h45, horário de Brasília. O duelo promete ser acirrado em campo, no entanto, fora dele o Mais querido tem larga vantagem. Em relação ao valor de cada elenco, o Clube da Gávea custa quase quatro vezes mais que o time colombiano.

Valor que o elenco do Fla custa, segundo o transfermarkt (Foto: Reprodução)

O Fla tem um plantel valioso e recheado de boas peças, segundo a imprensa. Tanto é que, nos últimos anos, a equipe entrou nas competições sendo apontada como uma das grandes favoritas à conquista do título. Dito isso, o valor de mercado que o elenco rubro-negro tem também é superior se levado para outros países, afinal, segundo o site alemão Transfermarkt, o time do Urubu vale 85,10 milhões de euros.

Valor que o elenco do Santa Fe custa, segundo o transfermarkt (Foto: Reprodução)

Agora, o Clube de Bogotá é uma das mais tradicionais da Colômbia, tendo conquistado nove Campeonatos Colombianos, duas Copas Colômbia e três Superligas da Colômbia, sendo a única equipe do país a conquistar a Copa Sul-americana. Apesar disso, o presidente César Pastrana não investiu fora de sua realidade para a disputa da Libertadores, fazendo com que o plantel custe 23,30 milhões de euros, segundo o site.

Trazendo para o mercado brasileiro, o valor do elenco rubro-negro é de R$ 357,42 milhões, enquanto o plantel colombiano vale R$ 97,86. Apesar das diferenças fora de campo, os momentos são parecidos dentro dele. O Flamengo foi eliminado da Taça Rio e do Campeonato Carioca, resultando na demissão de Paulo César Carpegiani. Na estreia do Campeonato Brasileiro, a equipe empatou com o vitória e é comandada pelo auxiliar e agora interino Mauricio Barbieri.

Pelo lado do Expresso Vermelho – como são conhecidos -, o time vem sofrendo com o recente retrospecto negativo nas competições em que disputa. Em seu campeonato nacional, o Time de Bogotá tem 4 empates e um derrota, nos últimos cinco jogos. Já na Libertadores, empataram suas duas partidas que jogaram no torneio. Os resultados obtidos desagradaram os dirigentes, que demitiram o técnico Gregório Pérez e quem estará na beira do gramado também será o auxiliar e agora interino Agustín Julio, ex-goleiro do clube. O embate será marcado por ter de dois interinos à frente de suas equipes.