• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Em busca do tri pelo Flamengo, Arão vive expectativa de estrear na Libertadores 2020

O Flamengo conta as horas para voltar a campo em busca da taça mais cobiçada do continente: a Copa Libertadores da América. Após duas vitórias e uma fase de grupos que caminhava para ser tranquila – uma vez que o Rubro-Negro venceu os dois desafios – houve a paralisação do futebol mundial, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. O Fla retorna a campo pelo torneio nesta quinta-feira (17), contra o Independiente del Valle, em jogo que pode marcar a estreia de Willian Arão na competição.

Titular absoluto no Flamengo de 2019, que conquistou a Libertadores e quebrou o jejum de 38 anos sem o título, o camisa 5 ainda não atuou no torneio este ano. Vale destacar, porém, que o fato não se deu por opção técnica: Arão foi expulso na final da Recopa Sul-Americana, contra o Independiente del Valle e, além da suspensão automática, foi advertido com mais um jogo de gancho.

Nas duas ocasiões, quem assumiu a vaga foi Thiago Maia. Àquela altura, ainda sob comando de Jorge Jesus, o substituto de Arão deu conta do recado e fez boa dupla com Gerson frente ao meio-campo do Flamengo. Hoje, porém, Domènec costuma usar Thiago em uma faixa de campo mais avançada, o que dificulta para que a ideia de Jorge Jesus seja repetida.

Vale destacar, aliás, que Thiago Maia e Willian Arão foram titulares no último compromisso do Fla – a derrota por 2 a 0 para o Ceará. Na ocasião, Gerson estava suspenso, e Diego Ribas ficou no banco de reservas. Agora, os quatro são opções do técnico Domènec Torrent para a partida da noite desta quinta (17), contra o Independiente del Valle. A bola rola para o duelo às 21h e vale a liderança do Grupo A, uma vez que as duas equipes têm 100% de aproveitamento, com seis pontos conquistados.

Publicado em colunadofla.com.