| Futebol

Em desvantagem, Fla vai para cima do Maccabi, que não teme torcida do rival

Campeões das Américas e da Europa voltam a se enfrentar para decidir quem fica com o título da Copa Intercontinental de Clubes, neste domingo, na Arena da Barra

saiba mais
  • Concorra a entradas para o NBA Global Games
  • Marquinhos e José Neto divergem
  • Caracter é a preocupação do Maccabi
  • Cestinha do Maccabi pensa no conjunto

O discurso rubro-negro evita qualquer tipo de desespero. A derrota para o Maccabi Tel Aviv por três pontos de diferença (69 a 66) no primeiro jogo da Copa Intercontinental de Clubes não abalou a confiança do Flamengo na briga pelo título. Afiados com o discurso do técnico José Neto, os jogadores da equipe carioca ressaltaram a todo momento que a disputa, na realidade, é dividida em oito quartos. A metade já foi. Neste domingo, às 12h (de Brasília), se inicia o "segundo tempo" na Arena da Barra. O SporTV transmite ao vivo, e o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real. Os assinantes do Canal Campeão também podem acompanhar tudo pelo SporTV Play.  

- Fizemos um jogo duro, disputado contra um time muito bom. Tivemos nossas chances, mas não conseguimos fechar o jogo (de sexta-feira). O melhor de tudo é que são oito períodos, jogamos apenas quatro e temos chances de reverter no jogo deste domingo - disse o ala-pivô Olivinha.

Flamengo X Maccabi, copa intercontinental de Basquete (Foto: Divulgação / FIBA)Maccabi vence o Flamengo na primeira partida da Copa Intercontinental de Clubes (Foto: Divulgação / FIBA)


O regulamento do torneio foi alterado horas antes da disputa do segundo jogo. Agora, uma vitória do Flamengo por três pontos de diferença, por qualquer placar (maior ou menor que o do primeiro jogo - 69 a 66), leva a partida para a prorrogação. Um triunfo do Rubro-Negro por quatro ou mais pontos de diferença garante o título. Já uma vitória do Maccabi ou uma derrota por um ou dois pontos de diferença dá a taça à equipe de Israel.

José Neto e Benite do Flamengo (Foto: Amanda Kestelman)José Neto acredita em um "jogo de oito períodos" na busca pelo título (Foto: Amanda Kestelman)

Entre os treinadores, o discurso está afiado. Tanto José Neto quanto Guy Goodes deixaram claro que a disputa pelo troféu de campeão está em aberto.

- A gente considera essa final como um jogo de oito períodos, e quatro já foram disputados. Vamos estar preparados para jogar os outros quatro no domingo - disse o rubro-negro.

Um dos principais jogadores do Maccabi, Guy Pnini foi o segundo maior pontuador de seu time no primeiro jogo. Marcou 11 pontos, atrás apenas de Jeremy Pargo, cestinha com 21. Em sua sexta temporada pelo clube de Tel Aviv, o ala-pivô apontou a vantagem de três pontos como pequena.

- Primeiro de tudo, será um jogo novo, uma nova história. Lutamos o jogo todo para passar na frente. Essa vantagem não é grande no basquete. Vamos voltar para ganhar o próximo jogo e levar o troféu. Para ganhar isso, precisamos de duas vitórias.

Sobre o fato de ter de encarar toda a pressão da torcida do Flamengo, que promete lotar a Arena da Barra na partida decisiva deste domingo, Guy Pnini fez pouco caso. Segundo o atleta israelense, jogar diante dos fãs do adversário é uma motivação extra. 

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.