| Futebol

Em jogo equilibrado e com portões fechados, Flamengo bate o Franca

Sem contar com o apoio de sua torcida devido a uma liminar do Ministério Público, Rubro-Negro segue invicto e impõe primeira derrota ao time paulista no NBB7

Flamengo x Franca  (Foto: Luiz Pires/LNB)Marcelinho fez 16 pontos na vitória do Flamengo sobre o Franca (Foto: Luiz Pires/LNB)

Quem chegava esperava encontrar os portões abertos para tomar logo seu lugar na arquibancada do ginásio do Tijuca. Era o dia do reencontro com o time que venceu tudo o que disputou na temporada passada. Mas o ar de preocupação tomava os rostos assim que eram comunicados, por um funcionário do Flamengo, que o público não poderia assistir ao jogo contra Franca, válido pela terceira rodada do NBB7. Segundo despacho do juiz Paulo Assed Estefan, algumas normas de segurança ao público, relativas ao CREA e à Vigilância Sanitária, ainda não haviam sido atendidas. Os torcedores recusavam-se a ir embora. Tinham a esperança de cruzar os portões e cantar a plenos pulmões. Nada feito.

Quem ficou do lado de fora conseguiu ouvir o barulho do atrito dos tênis no piso da quadra e as vozes dos jogadores cantando as jogadas. Meia dúzia de sócios, que estavam dentro do clube e passavam por ali, espiaram o equilibrado duelo graças a uma porta vazada. Nesta quarta-feira, diante dos olhares deles, de jornalistas e policiais, o tricampeão do torneio fez o dever de casa. Venceu por 82 a 79 em um jogo muito equilibrado e só decidido nos momentos finais.

Com 21 pontos, Marquinhos foi o cestinha da partida. Com o resultado, o Rubro-Negro segue invicto no campeonato, com três triunfos. O próximo compromisso da equipe será contra o Minas, na próxima terça-feira, às 20h, em Belo Horizonte. Franca volta a quadra pelo NBB na próxima sexta-feira para enfrentar fora de casa o Macaé, às 19h30. 

saiba mais
  •  Veja a classificação do NBB 7
  • Top 5 da primeira semana do NBB tem show de Meyinsse. Assista!
Flamengo x Franca  (Foto: Luiz Pires/LNB)Cercado, Marquinhos acha espaço para arremessar e fazer mais dois pontos para o Flamengo  (Foto: Luiz Pires/LNB)



Sem público, partida é equilibrada

Flamengo x Franca - Torcedores (Foto: Sandro Lozano)Torcedores do Flamengo do lado de fora do Tijuca Tênis Clube (Foto: Sandro Lozano)

A cantoria que costuma empurrar o Flamengo não estava lá. A pressão que dificulta a vida dos adversários também não. O Franca tinha um problema a menos para enfrentar. Dentro de quadra, os donos da casa ditavam um ritmo forte, resistiam às investidas dos comandados de Lula Ferreira e abriam 20 a 16.

O time paulista dava trabalho. Imprimia velocidade e, no começo do segundo quarto conseguia a virada, com uma cesta de Helinho: 31 a 26. Neto parava o jogo. Tentava colocar o Flamengo de novo nos trilhos. O time respondia e conseguia o empate: 33 a 33. Mas Léo Meindl estava com a mão quente. anotava oito pontos seguidos e fazia Franca ir para o vestiário em vantagem: 41 a 39.

Marquinhos tomava as rédeas do jogo. Chamava os companheiros, convertia dois chutes de longe e fazia o Rubro-Negro respirar: 48 a 43. Marcelinho e Meyinsse também davam sua contribuição e aumentavam a frente para 55 a 45. Franca apertava a marcação e não desperdiçava as chances ofensivas. Fazia sete pontos em sequência e encostava no placar (55 a 52). Olivinha desperdiçava dois lances livres para alegria dos rivais. Helinho não perdia os seus e deixava sua equipe a um pontinho do empate. A 40s do fim, o argentino Mata recolocava os paulistas no comando do marcador e recebia os cumprimentos dos companheiros ao término do período: 60 a 59.

saiba mais
  • Todos os lances da partida

Os cantos começavam a ser ouvidos durante o intervalo. Lá fora, os poucos torcedores que não voltaram para casa, tentavam mostrar seu apoio. Os jogadores conseguiam a virada e se empenhavam para conter o ímpeto dos visitantes (66 a 62). Mas Léo Meindl estava lá para incomodar. Com uma bola de três a 40s do término do jogo, colocou Franca a apenas dois pontos de desvantagem: 77 a 75. Marquinhos sofria falta e sabia que não podia falhar na linha de lance livre. Fez o que se esperava dele (79 a 75). Logo em seguida, Franca falhava no ataque e outra vez Marquinhos convertia seus lances livres. A vitória suada ia para o bolso do Flamengo.

Flamengo x Franca  (Foto: Luiz Pires/LNB)Pivô Meyinsse pegou seis rebotes e marcou dez pontos na vitória do Flamengo sobre o Franca (Foto: Luiz Pires/LNB)

  

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.