• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Em live pós-título de Gabigol, sobra alfinetada até pra jornalistas

Após o título brasileiro emocionante do Flamengo, o elenco tirou o momento para comemorar. Contudo, alguns atletas aproveitaram para provocar, visto que foi uma temporada muito atípico e turbulenta para o Mais Querido. Um deles foi o atacante Gabigol que, em ‘live’ de seu Instagram, alfinetou diversos jornalistas. Entre eles, Venê Casagrande, do Jornal ‘O Dia’, Diogo Dantas, do ‘O Globo’ e André Rizek, dos canais SporTV.

Com a taça nas mãos, Gabigol se juntou a Diego Ribas em ‘live’ polêmica, já que foi recheada de satisfações. A primeira, e mais enfática delas, foi contra os jornalista Venê Casagrande e Diogo Dantas. Isso porque, em meio à má fase do Flamengo, os repórteres acusaram o elenco rubro-negro de formar ‘panelas’ e que elas dividiram o clube e eram responsáveis pelo mau momento. Na ocasião, a dupla chamou eles de ‘palhaços’ e ostentou a taça do octa.

Além disso, como mencionado, André Rizek também foi alvo de críticas dos atletas. Isso porque, antes do Fla assumir a liderança, o jornalista comentou que a campanha do Vasco era melhor que a do Fla, por ter liderado o Brasileirão. No entanto, o fim do campeonato castigou o apresentador, que viu o Mais Querido levantar a taça em pleno Morumbi e o cruzmaltino rebaixado. Depois do ocorrido, Rizek rebateu as ponderações em uma rede social.

CONFIRA A PUBLICAÇÃO:

Parabéns Gabigol, pelo título. Obrigado por lembrar de mim em momento tão importante da sua carreira vencedora… Mas você espalhou Fake News. Nunca disse que o campeonato do Vasco era melhor que o do Flamengo. Apenas que eu esperava mais futebol do timaço de vocês. Abs! 

Com seu sétimo caneco com o Manto Sagrado, Gabigol se consolida como um dos maiores da história do clube. Ídolo de uma geração, o camisa 9 já conquistou dois brasileiros e a tão sonhada Copa Libertadores, com direito a dois gols na final. Ao todo, foram 102 jogos, com 70 tentos e 24 assistências, marcas assustadoras para os níveis do futebol brasileiro. Além disso, o atacante recuperou a autoestima da Nação, após tempos difíceis de seca.

Publicado em colunadofla.com.