– Quem me conhece, sabe a forma que me entrego dentro de campo e não desisto de uma bola sequer. Um exemplo claro é o meu último gol, que marquei na Libertadores – explicou Pimpão. 

– Após o jogo, procurei o Berrío para me desculpar e explicar o lance; Ele concordou e me entendeu, ficando assim tudo resolvido entre nós – completou. 

Foi uma patada e não posso caminhar. Me preocupo, porque não me sinto bem para caminhar. Me preocupa para sábado e para o jogo de volta da Copa do Brasil, contra o Botafogo. Quero jogar a semifinal em nossa casa, me preocupa, mas vamos tentar fazer a nossa recuperação. Só Deus sabe – disse Berrío, após o apito final no Nilton Santos. 

A íntegra da nota de Pimpão pode ser vista em seu Instagram.

​​