Porém, nesta trajetória, precisou superar momentos difíceis. O principal deles: aquele que ficou conhecido como "Bonde da Stella". Em meio a uma má fase da equipe, ele apareceu em uma foto com outros companheiros se divertindo e tomando cerveja. Acabou punido e afastado.

"Foi um momento muito difícil, o pior deles. Terminou em um afastamento muito doloroso e não quero lembrar disso. Sou um cara trabalhador, não chego atrasado e cumpro as obrigações. Já passei de tudo no Flamengo. Não podemos nos empolgar com elogios e também não dá para meter a cara no travesseiro na hora das críticas. A minha cabeça está no lugar", garantiu, em entrevista ao ​Uol.

Bastante feliz, Everton, campeão brasileiro em 2009, crê que o melhor ainda está por vir. "Hoje, o jogador pode fechar os olhos e vir para o Flamengo. É um clube estruturado e que paga em dia. Isso faz diferença. Não adianta", completou.