Em conversa com o ​Uol Esporte, o atacante explicou as negociações frustadas.

''Acertei o salário com o Flamengo, mas as coisas com o clube turco não ocorreram como eu queria. Tinha muita vontade de voltar, mas o Flamengo não queria fazer uma proposta para me comprar. (...) Se o Flamengo tivesse o poder financeiro para fazer a compra, com certeza teria voltado ao Brasil. Era a minha preferência'', declarou o camisa 9.

Veja também: ​Consistente, Fla passa sem sustos por final e agora mira Libertadores

Jogando desde o ano passado no modesto Alanyaspor, o Artilheiro do Amor acabou se transferindo para o Besiktas, um gigante do futebol turco e que joga a Liga dos Campeões.