| Futebol

Final continental

flameng - Final continental

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

O primeiro tempo foi como se esperava. Precisando do resultado, a equipe da casa apertou o Flamengo em em seu campo, mas com pouca objetividade.

A primeira boa chance do Junior foi aos cinco, com chute rasteiro de Mier para ótima defesa de César. Depois disso, foram 30 minutos de trocas de passe no meio, sem objetividade e com chutes a esmo, contra um Flamengo seguro nas recuperadas de bola. O Junior chegou de novo aos 35, com Chará descendo pela direita e chutando perto do gol rubro-negro. 

O Flamengo respondeu aos 39. Paquetá recebeu na esquerda e cruzou baixo para Vizeu. O atacante tocou na bola, mas o goleiro Sebastian Vieira fez o chamado milagre. Dois minutos depois, Arão arriscou de longe, para mais uma defesa de Vieira. Os colombianos atacavam com chutes e mais chutes de qualquer lugar do campo, sem muito perigo para César. E assim acabou o primeiro tempo, com o Flamengo a 45 minutos da vaga. 


O segundo tempo começou como o time queria. Logo aos seis, Trauco achou Vizeu, que passou a quinta marcha e tocou na saída do goleiro para abrir o marcador. O estádio e o Junior sentiram o golpe. O Flamengo ganhou mais moral. O Mais Querido tocava e segurava o ataque colombiano. 

César trabalhou. Sentiu a perna, continuou. Defendeu. Rueda mexeu. Tirou os exaustos Everton Ribeiro e Lucas Paquetá para colocar Márcio Araújo e Rodinei. 

Aos 42, pênalti para o Junior.

César x Chará.

César. O roteiro certo. A hora do garoto. Um minuto depois, Vizeu, de novo, para sacramentar vaga.  Flamengo classificado. 

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/26478/final-continental

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.