| Futebol

Fla acompanha assédio a Vinícius Jr mas vê ascensão e aproveitamento até os 18 anos

flameng - Fla acompanha assédio a Vinícius Jr mas vê ascensão e aproveitamento até os 18 anos

Alçado ao posto de “Novo Neymar”, Vinícius Júnior tem mais um ano, pelo menos, para render pelo Flamengo antes de se transferir para o Barcelona. Aos 17 anos, a jóia rubro-negra segue virando destaque na imprensa espanhola por suas partidas no Sul-Americano Sub-17, no Chile. Representantes do clube catalão já estariam acompanhando as apresentações e em contato com o staff do jogador.

O Flamengo, por sua vez, age com cautela. Ignora o assédio e se resguarda em multa de R$ 100 milhões e na impossibilidade da promessa se transferir até os 18 anos. Sendo assim, o clube projeta ter Vinícius Júnior como modelo do novo projeto “Pratas do Ninho”, que inclui a preparação dos jovens sob o mesmo protocolo dos profissionais, com atenção à parte física, nutricional e psicológica. Além de Vinícius Júnior, o atacante Lincon também faz parte da novidade.

— Ele e o Lincon fazem parte do projeto, e serão trabalhados nessa transição. Não podem se transferir até os 18 anos. O momento de ascensão deles ao profissional ainda definiremos — explica o diretor Rodrigo Caetano, que lidera o projeto.

Mas, de acordo com o jornal “Mundo Deportivo”, o secretário técnico de futebol profissional do Barça, Pep Segura, o diretor de scouting, Pep Boada, e o olheiro de confiança da diretoria, Miki Albert, estão desde o início do torneio sul-americano, que começou no dia 23 de fevereiro, assistindo aos jogos do Brasil para avaliar a evolução do jogador.

A publicação lembrou que Vinicius Júnior tem uma multa rescisória alta no Flamengo, mas que ele tem acompanhado o Barcelona, porque é fã do craque Neymar, e teria o sonho de jogar pelo clube. Antes, porém, quer brilhar no Brasil.

Fonte: http://extra.globo.com/esporte/flamengo/fla-acompanha-assedio-vinicius-jr-mas-ve-ascensao-aproveitamento-ate-os-18-anos-21068414.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.