| Futebol

Fla encaminha renovação de Marcelo e estuda contratos perto do fim

Cláusula prevê ampliação de vínculo com zagueiro por quatro anos. Arthur não deve ficar, e Chicão e Márcio Araújo terão salários revistos com proposta por metas

saiba mais
  • Herói, Nixon discute renovação com Fla de olho em plano de carreira 

Sem alarde, o Flamengo começa a fazer contatos para definir o futuro de jogadores com os contratos perto do fim. As conversas ainda estão em estágio inicial, mas a diretoria já tem em mente os termos a serem propostos para quem estiver nos planos para próxima temporada. O caso mais bem encaminhado é o do zagueiro Marcelo, que tem uma cláusula de renovação automática por quatro anos. Além dele, Chicão, Léo Moura, Nixon, Arthur, Márcio Araújo e João Paulo encerram seus vínculos com o Rubro-Negro em dezembro.

Revelação do Volta Redonda no Campeonato Carioca, Marcelo tem os direitos econômicos divididos e está vinculado ao Cianorte, do Paraná. O empréstimo até o fim de 2014 prevê que o Flamengo pode exercer o direito de ampliação do vínculo até o 2018, com reajuste salarial anual já previsto. Com 12 partidas sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, o zagueiro de 23 anos é visto como um bom investimento e a expectativa é de que emplaque 2015 na Gávea.

Marcelo, Flamengo, torcida, Flamengo x Atlético (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)Dos que têm contrato perto do fim, Marcelo é o com situação mais encaminhada (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)

Apresentado juntamente com Marcelo, Arthur não deve ter o mesmo destino. Em 11 partidas, o artilheiro do Campeonato Paranaense sequer fez gol pelo Flamengo e a tendência é que retorne ao Londrina. Já as situações de Chicão e Márcio Araújo estão bem definidas: tidos como importantes para o elenco, ambos têm salários considerados altos e precisarão aceitar uma redução para assinatura de um novo contrato de um ano, que teria gratificação a partir de metas alcançadas.

Quem já conversa para seguir no clube é Nixon. Autor do gol da vitória por 2 a 1 sobre o Figueirense, o atacante de 22 anos deseja ter mais oportunidades de jogar e uma das possibilidades é a assinatura de um contrato longo com o Flamengo seguido de empréstimo de uma temporada para pegar experiência.

A diretoria rubro-negra estuda ainda os casos de Léo Moura e João Paulo. Prestes a completar 36 anos, o lateral-direito tem assinado vínculos anuais e completará uma década de Flamengo caso tenha o contrato renovado. A situação do lateral-esquerdo segue indefinida. Titular com Vanderlei Luxemburgo, o jogador é contestado pela torcida e é consenso nos bastidores de que é necessária a chegada de um nome para posição.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.