​Ainda faltam cerca de seis meses para a próxima edição do Campeonato Carioca, mas os clubes já negociam com a Rede Globo os direitos de transmissão do torneio. O Flamengo não se mostra disposto a assinar o contrato, que prevê uma divisão igualitária das cotas de TV entre os clubes grandes do Estado. A informação é do site ​Portal Mídia e Esporte.

"Como o dinheiro chega, como é distribuído… Se vai descontar 10% das rendas… Contrato tem que ser bom para todas as partes. Se não for bom para o Flamengo, a gente não assina. Aí eles passam Barra Mansa x Quissamã", disse o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello.

Em 2016, Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco receberam R$ 7 milhões cada um pelos direitos de transmissão. Com a renovação do vínculo, este valor será aumentado.