| Futebol

Fla reage no programa de sócio-torcedor após classificação heroica

Dia seguinte à vaga para as quartas de final da Copa do Brasil faz clube quebrar a barreira de 55 mil membros e se aproximar do Santos depois de dois meses de queda

Torcida Flamengo x Leon (Foto: EFE)Torcida do Flamengo deve encher o Maracanã neste sábado para a partida contra o Grêmio (Foto: EFE)

No dia seguinte à classificação para as quartas de final da Copa do Brasil, a torcida do Flamengo demonstrou que precisa de combustível dentro de campo para se associar ao programa de sócio-torcedor. Na quinta-feira, houve um crescimento de 337 membros até as 21h (de Brasília), segundo números do "Movimento por um Futebol Melhor".

Para se ter ideia da importância do número, o Fla sequer havia chegado a 200 membros por dia durante esta semana. Na anterior, no total, foram 186. Em todo o mês de agosto, o clube teve uma perda de 453 sócios.

O Flamengo vinha de dois meses de queda e havia fechado agosto com 54.318 sócios. Agora, com números fechados até as 21h (de Brasília), são 55.052, ocupando a quinta colocação, aproximando-se do Santos, que soma 55.847. O líder absoluto é o Internacional, com 123.508.

Para resgatar sócios-torcedores e conseguir novos, o Flamengo chegou a fazer uma promoção para o jogo com o Sport. Quem fosse ao Maracanã, ganharia um mês grátis no programa do clube. No entanto, o prazo para isso acontecer ia até 31 de agosto. O crescimento efetivo aconteceu depois desta data.

saiba mais
  • Torcida compra 40 mil ingressos e
    empolga jogadores para casa cheia

Com a melhora no rendimento da equipe, a classificação para as quartas de final e o aumento na procura de ingressos, o número de sócios-torcedores deve crescer. Esse efeito aconteceu entre outubro e novembro do ano passado, quando o clube pulou da casa dos 40 mil membros para 60 mil por causa da campanha na Copa do Brasil.

Para evitar debandadas, como vem acontecendo desde o fim de abril, quando o Flamengo chegou a ter 64.019 sócios, a diretoria vem trabalhando uma forma de fidelizar o torcedor. Uma das bandeiras do projeto era o investimento em grandes contratações, o que não aconteceu nesta temporada.

Para o jogo deste sábado, contra o Grêmio, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, mais de 40 mil ingressos foram vendidos. Uma das vantagens do sócio-torcedor é justamente o acesso à compra antes dos outros torcedores.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.