| Futebol

Fla se afasta de Roger Machado e conversa com outros treinadores para bater martelo

flameng - Fla se afasta de Roger Machado e conversa com outros treinadores para bater martelo

Com a primeira opção, Roger Machado, mais longe após sondagem inicial, o Flamengo se reúne nesta segunda-feira á noite, com a presença do Conselho Diretor, para resolver de forma definitiva o perfil do novo treinador para substituir Zé Ricardo, demitido. E no encontro entre profissionais do futebol e vice-presidentes, haverá vozes a favor de um técnico estrangeiro. Por outro lado, o experiente Carpegiani, campeão do mundo em 1981, ganha força. O clube conversa em algumas frentes.

O colombiano Reinaldo Rueda, consenso no clube, indicou que não deve assumir um clube no meio de temporada, mas deve ser no mínimo sondado. Com a possibilidade em aberto, Júlio Falcione, bicampeão argentino com o Boca Juniors, foi oferecido. A chegada de um estrangeiro como Rueda, por outro lado, necessitaria de uma adaptação.

A direção vai avaliar outras opções de treinadores disponíveis no Brasil. Roger Machado e seu agente, Léo Ferreira, conversaram com o diretor Rodrigo Caetano e se mostraram interessados com a proposta inicial, mas o contato foi em forma de sondagem e não deve avançar.

Por enquanto Jayme de Almeida comanda o time de forma interina contra o Palestino, quarta-feira, e o Flamengo descarta efetivá-lo. Nomes empregados no Brasil também não foram descartados. Há bastante simpatia pela ideia de Renato Gaúcho assumir a equipe entre os dirigentes amadores, mas o perfil de medalhão é menos desejado.

A diretoria também não descarta treinadores que já passaram pelo clube na atual gestão, como o próprio Jorginho, mas este perfil está mais longe de agradar a todos.

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/fla-se-afasta-de-roger-machado-conversa-com-outros-treinadores-para-bater-martelo-21679509.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

1 Comentário

SERGIO ANDRADEHá 4 meses

O ideal é trazer alguém da casa, o Andrade, Carpegiane ou manter o Jaime. Tem que ter o sangue rubro negro! Esse colombiano vai ajudar em que? Até ele consegui se comunicar com os jogadores a torcida já perdeu a paciência, pois "vai de ralo duas molezinhas": A Sul Americana e a Copa do Brasil. A gente estava pedindo Roger Machado, não é possível, Estamos muito sem noção! Estou com vergonha, essa diretoria é a mais honesta da história do Fla, faz de tudo para agradar a torcida e nós ainda reclamamos, vamos à Ilha do Urubu, e só cantamos se o time tiver bem, se tiver ganhando! Perdemos a nossa personalidade a nossa essência. Não sei se o preço dos ingressos tem afastado os verdadeiros rubro-negros, mas caímos na mesmice das outras torcidas, não fazemos mais a diferença. O mínimo que deveríamos fazer seria uma passeata sentido Gávea com uns 20 mil torcedores cantando o hino e gritando palavras de incentivo. Os jogadores se arrepiariam e tremeriam seus corpos. Aqueles que ainda não têm, sentiriam o sangue rubro-negro brotando pelos poros. Nós provaríamos para nós mesmos que ainda fazemos a diferença. Estamos igual a criança pirracenta dentro de mercado, nunca estamos satisfeitos com o que temos e pedimos mais e mais, sendo que na realidade temos que nos desfazer dos excessos. O que tem que mudar é a postura, a partir de nós!

Carregar mais