​"Foi um resultado com sabor de derrota. Temos que buscar fora. Não existe outro resultado diante do Emelec que não seja a vitória. Vamos unir forças para isso. Só temos um jogo com a nossa torcida e não vejo diferença em jogar dentro ou fora de casa. É o que eu cobro deles", afirmou o treinador, em entrevista ao site ​UOL Esporte.

O Flamengo chegou a ficar à frente do placar por duas vezes no segundo tempo, com gols de Henrique Dourado e Everton, mas o River Plate conseguiu chegar ao empate com Mora e Mayada. Os argentinos serão os últimos adversários do Rubro-Negro na fase de grupos, mas desta vez em Buenos Aires, no dia 23 de maio.