| Futebol

Fla tem queda como mandante, e aproveitamento é 2º pior desde 2003

Nos pontos corridos, campanha como anfitrião só supera a de 2010. Ainda faltam seis jogos com mando de campo até o fim do Brasileiro. Próximo é contra Cruzeiro, dia 12


 

Um dos trunfos em um Campeonato Brasileiro é o mando de campo. Fazer valer os jogos na sua casa são fundamentais para uma boa campanha. Este ano, o Flamengo parecia dono da situação, mas o retrospecto recente fez os números caírem, e a derrota por 1 a 0 para o Santos transformou o aproveitamento como mandante no seu segundo pior desde 2003, quando a competição passou a ser disputada no sistema de pontos corridos.

O resultado deste domingo fez o Flamengo baixar os 50% de pontos conquistados. São cinco vitórias, quatro empates e quatro derrotas em 13 jogos disputados como mandante, com 48,7% de aproveitamento, superando apenas a campanha de 2010, quando teve 47,3%, terminando a competição sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo lutando para fugir do rebaixamento.

Novamente sob o comando do treinador, o Flamengo tenta espantar o fantasma da zona da confusão, como diz Luxemburgo. Com 31 pontos, tem apenas quatro a mais do que o Vitória, que abre a zona de rebaixamento, contando ainda com Criciúma, Botafogo e Coritiba, todos muito próximos.

saiba mais
  • Veja tabela e próximos jogos do Brasileirão
  • Lances de Fla x Santos no Tempo Real
  • A crônica da partida no Maracanã

 Nos últimos quatro jogos como mandante, o Flamengo venceu apenas um, por 1 a 0 sobre o Corinthians. Conseguiu um empate com o Fluminense e perdeu para Grêmio e Santos, ambos por 1 a 0.

O próximo jogo como mandante será contra o líder Cruzeiro, dia 12, no Maracanã. Antes, o Flamengo enfrenta o Figueirense, quarta-feira, em Florianópolis. Ainda serão mais seis confrontos com o mando de campo até o fim do Brasileiro.

Os jogadores se reapresentam na segunda-feira à tarde e viajam no dia seguinte para Florianópolis. A expectativa é pela recuperação do zagueiro Wallace, fora dos dois últimos jogos. O time não contará com Cáceres, que foi convocado para a seleção do Paraguai e ainda saiu de campo com uma dor no adutor da coxa direita.


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.