| Futebol

Flamengo, 120 anos de paixão!!!

Flamengo x Orlando City

Que carisma é esse. que magnetismo é esse , que paixão é essa??? 

120 anos de Flamengo, fundado  em 17 de novembro de 1895 e comemorado no dia 15 de novembro data da Proclamação da República do Brasil. 

Simbolo de popularidade desde de sua fundação, quando as regatas dominavam a preferencia da torcida carioca, logo o Flamengo demonstrou que nasceu pra vencer, nas raias o hoje rubro-negro  começou a mobilizar as massas, ser grande e respeitado. Depois de um racha nas hostes tricolores, foi criado  o Departamento de Esportes Terrestres e em seu bojo o Futebol. 

Logo o elitista esporte de origem britânica foi também se popularizando, assim o já popular Flamengo do remo, não custou a se identificar com a maioria da torcida. Os títulos foram se proliferando, ídolos e ícones ajudando a fazer a grandiosidade do clube.

Com a fundação da Rádio Nacional em 1935 pelo Governo Vargas, as ondas da poderosa emissora levaram a paixão rubro-negra para todos os recantos do país. Já ao final da década de 1930 , pesquisas, concursos e consultas davam o Flamengo como o "mais querido do Brasil". 

Outros esportes foram agregados ao cotidiano do Flamengo, um clube verdadeiramente poliesportivo, tradição no pioneiro remo, na natação, basquete, volei, atletismo, judô, ginastica artística, polo aquático, no carro chefe futebol e outros mais.

Nossos grandes ídolos e ícones dão a dimensão da importância do rubro-negro no Desporto Brasileiro e mundial, Borgeth, Gustavo de Carvalho ( autor do primeiro gol) , Moderato, Píndaro de Carvalho, Baena, Riemer, Sidney Pullen, Kuntz, Nonô, Leônidas da Silva, Domingos da Guia, Fausto a maravilha negra  , Waldemar de Brito, Valido, Alfredo Gonzales, Zizinho, Vevé, Pirilo, Volante, Jarbas, Jurandir, Biguá, Bria, Jayme de Almeida, Perácio, Jair da Rosa Pinto, Garcia, Juvenal, Zagalo, Indio, Dr. Rubis, Dida, Evaristo, Dequinha, Joel, Jadir, Jordan, Benitez, Henrique Frade, Moacir, Gérson, Carlinhos o violino, Espanhol, P.Henrique, Silva o batuta, Almir o pernambuquinho, Fio Maravilha, Reyes, Doval, P.César Lima, Liminha, ZICO o maior de todos, Geraldo, Júnior, Leandro, Andrade, Adílio, Rondinelli, Carpegianni, Tita, Raul, Lico, Nunes, Mozer, Bebeto, Zé Carlos, Leonardo, Jorginho, Zinho, Aldair, Juan, Renato Gaúcho, Uidemar, Gaúcho, Junior Baiano, Wilson Gotardo, Romário, Sávio, Athirson, J.César , Petkovic, Adriano Imperador, Léo Moura, Obina, Ronaldo Angelim, Fábio Luciano, Elias, Hernane Brocador. Em outros esportes, Norminha basquete, Maria Lenk natação, Oscar Smith, Luisa Parente ginasta, Bernard Volei, Algodão basquete, Diego Hipólito, Jade Barbosa, Virna volei, Carioquinha basquete, Ricardo Prado natação, Rómulo Arantes Jr, Fernando Shere o xuxa, Thomás Koch tênis, Erica Lopes gasela negra atletismo, Ulisses Malaguti atletismo, Henri Klein remo, Pipoca basquete, Boca Larga remo, Angelu remo, Engole garfo remo, Wilson Reeberg remo, Celenio Silva o carnaval remo, José Teles da Conceição atletismo, Tião Mendes atletismo, Rosimery Ribeiro natação, Leila vôlei, Mical basquete, Barone basquete, Pedrinho basquete, Mário Hermes basquete e muitos outros, a nossa tradição é incomensurável. 

Treinadores de uma infinidade de esportes, ídolos que passaram meteoricamente , por um jogo que seja:  Pelé, Friendenreich, Garrincha , Sócrates, Florin Alberth hungaro, Edu Coimbra, Luiz Pereira, Lev Yachin. Certamente os amigos do FlamengoRJ irão lembrar de outros nomes, a nossa tradição realmente não tem limites...

 

Flamengo x Orlando City

O treinador Oswaldo de Oliveira já sinalizou que irá substituir o time todo no segundo tempo, um jogo que poderia realmente servir para comemorar os 120 anos de glórias do Flamengo, vai virar um "pic nic", uma brincadeira, deveria haver uma lei que proibisse mais de cinco substituições num jogo com cobrança de ingressos, mesmo de festa , pois cremos ser um desrespeito ao torcedor que pagou o ingresso. Este tipo de jogo, cada vez fica mais sem atrativos para o comparecimento da torcida. 

No mais, servirá como um mero treinamento de luxo, acho que os 120 anos do Flamengo mereciam mais respeito.

 

Histórias Rubro-Negras

Esta semana o grande Leandro do Flamengo, o maior lateral direito da história do futebol brasileiro recebeu a mais alta  honraria do Estado do Rio de Janeiro, a Medalha Tiradentes , por iniciativa do Deputado Jânio Mendes. Coincidindo com o aniversário de 400 anos de sua cidade natal Cabo Frio. Uma homenagem das mais justas, além do grande craque, Leandro foi também  um excelente profissional, honrou de verdade o nosso Manto Sagrado, aliás o chamado "peixe frito" só vestiu a camisa do rubro-negro da Gávea em sua brilhante trajetória , além da Seleção Brasileira. 

Em Cabo Frio o craque tem até estátua, ao lado do surfista Victor Ribas, também nascido naquela progressista cidade.

Na ocasião da homenagem Leandro mencionou as seguintes palavras : "Imagina um torcedor de arquibancada que um dia joga no seu clube de coração. Nos jogos a camisa virava minha pele e eu não media esforços para defender o manto. Se pudesse jogar 100 anos, seriam todos no Flamengo". 

Em tempos de falta de comprometimento, de amor a camisa, isto soa como um grande consolo...

SRN

 


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.