| Futebol

Flamengo derrota o Coritiba fora de casa: 2 a 0

Guerrero e Marcelo Cirino marcaram os gols no Couto Pereira

flameng - Flamengo derrota o Coritiba fora de casa: 2 a 0

O Flamengo se manteve no retrovisor do G-4 do Brasileiro com a vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, fora de casa, no Couto Pereira, pela 17ª rodada, neste domingo. O resultado leva a equipe rubro-negra para a quinta posição, com os mesmos 30 pontos do Grêmio, quarto colocado, que enfrenta o lanterna América-MG às 18h30m. O peruano Paolo Guerrero abriu o placar, deixando sua marca pelo terceiro jogo seguido, e Marcelo Cirino saiu do banco de reservas para ampliar o resultado no fim da segunda etapa.

No primeiro tempo, a impressão é que faltava espaço no gramado do Couto Pereira. Embora distribuísse seus jogadores com amplitude no ataque, tendo Alan Patrick na direita, Mancuello no meio e Everton pela esquerda, mais o apoio constante de Willian Arão e de Pará, o Flamengo abusava dos lançamentos para enfrentar as linhas de quatro do Coritiba.

Com apenas 36% de posse de bola em sua própria casa, foi o Coritiba quem teve a melhor chance, em cruzamento do apagado Kazim-Richards para o zagueiro Juninho, sozinho, cabecear por cima do gol de Alex Muralha. Guerrero, vigiado de perto por Luccas Claro, se irritou ao ser atingido duas vezes pelo cotovelo do zagueiro adversário no primeiro tempo. Acabou levando cartão amarelo por reclamação. Foi o quinto do atacante peruano, agora pendurado, em oito jogos no Brasileiro.

— Estamos conseguindo chegar bem agrupados na frente, mas erramos alguns passes na parte final. O campo está muito rápido, a bola acaba deslizando com mais velocidade — avaliou Alan Patrick no fim do primeiro tempo.

Depois do intervalo, contudo, o jogo mudou. Com apenas seis minutos, Mancuello achou o espaço e o tempo de bola que pareciam escapar no primeiro tempo. O argentino deu lançamento milimétrico para Guerrero, que invadiu a área e disparou um chute seco, entre o goleiro Wilson e a trave, para abrir o placar.

O Coritiba ensaiou uma pressão e passou a ocupar mais o campo ofensivo, mas faltava criatividade. À exceção do jogo físico de Kleber Gladiador, que incomodava a marcação com suas trombadas, a equipe paraense confiava quase exclusivamente nos cruzamentos, sempre afastados pela zaga rubro-negra.

O bom posicionamento da defesa seguiu até depois de Juan pedir substituição, com dores musculares, e dar lugar a Donatti, aos 11 minutos. Em sua estreia pelo Flamengo, o argentino aparentou não estar ainda na sua melhor forma, mas deu conta do recado. No fim, o Flamengo ainda conseguiu aproveitar os espaços do Coritiba para ampliar. Marcelo Cirino, que havia substituído Mancuello, foi lançado na área pelo volante Cuéllar aos 43 minutos, esperou a saída do goleiro Wilson e tocou com sutileza para fechar a vitória rubro-negra.

Fonte: http://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-derrota-coritiba-fora-de-casa-2-0-19821877

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.