Flamengo desembarca no Rio sob xingamentos e protesto de torcedores

Flamengo desembarca no Rio sob xingamentos e protesto de torcedores

O Flamengo enfrentou o Santa Fe na última quarta-feira (25), em Bogotá, e não conseguiu sair do 0 a 0 com o time da casa. Na manhã desta quinta-feira (26), a delegação do Fla desembarcou no Galeão sob um clima tenso.

O presidente Eduardo Bandeira de Mello e a comissão técnica foram os primeiros a passar pelo lobby. Bandeira, assim como Maurício Barbieri, foram os mais hostilizados. Os jogadores passaram todos juntos pelo grupo de cerca de 15 torcedores. Os atletas evitaram olhar para a torcida e não falaram com a imprensa, que esperava no local. Os seguranças do aeroporto tiveram que intervir no protesto, pois os torcedores, além de gritar e xingar, batiam muito e atiravam objetos no ônibus da delegação do Mais Querido. Nenhum jogador foi poupado dos protestos. Vale lembrar que a torcida já havia protestado no embarque para a Colômbia.

Apesar do empate, o Flamengo segue liderando o Grupo 4 da Libertadores, com seis pontos ganhos. O próximo compromisso na competição intercontinental é em casa, no dia 16 de maio, no Maracanã, contra o Emelec.