| Futebol

Flamengo domina e vence Boavista por 3 a 0

Rubro-Negro tem atuação superior durante os 90 minutos e vence sem susto

Na penúltima rodada da Taça Guanabara, o Flamengo enfrentou o Boavista. Em Volt Redonda, o Rubro-Negro não teve dificuldades e venceu por 3 gols de diferença. Mancuello, Marcelo Cirino e Guerrero foram os responsáveis por colocar a bola na rede. 

Com o resultado, o Mais Querido subiu à 3ª colocação, voltando à zona de classificação. O último confronto desta fase do campeonato é contra o Bangu, no próximo domingo (17), às 16h.

O Jogo

O Flamengo começou o jogo ditando o ritmo e mostrando como se portaria durante os 90 minutos: sem dar chance para o azar.  Logo aos 55 segundos, já teve boa chance, em cruzamento fechado de Rodinei que quase enganou o goleiro. O Mais Querido pressionou pelas laterais e deu trabalho à defesa adversária. Aos 19, o primeiro gol. Mancuello sofreu falta na entrada da área. Ele mesmo foi para a batida e, com a classe que lhe é característica, guardou no ângulo oposto. Rodinei se mostrou uma boa opção pela direita até que, aos 30, veio dos pés dele outra jogada de gol. O camisa 2 invadiu a área e deu passe para Marcelo Cirino, que, com dois toques, dominou e mandou para o fundo da rede. Mesmo à frente no placar, o Flamengo pressionou o adversário e subiu a marcação ao campo de ataque.

A segunda etapa começou sem que o Flamengo diminuísse o ritmo. O terceiro gol veio aos 12 minutos. O goleiro adversário vacilou, errou na reposição e Guerrero acreditou. Após bloquear a bola e tirar o arqueiro da jogada, o peruano pegou a sobra e fez o seu. Até o fim do jogo, o Mais Querido não deu espaços ao Boavista. Com tranquilidade, mas sem dar espaços na marcação, o Rubro-Negro administrou o resultado.

Você pode trazer reforços pro Mengão e fazer parte de cada gol rubro-negro: clique aqui e seja sócio-torcedor!

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/23189/flamengo-domina-e-vence-boavista-por-3-a-0

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.