| Futebol

Flamengo domina, mas é superado no final e perde na estreia

Com pontuação muito baixa no último quarto, time perde para Olimpia por dois pontos

flameng - Flamengo domina, mas é superado no final e perde na estreia
O Flamengo não teve uma boa noite na estreia da fase semifinal da Liga Sul-Americana. Com uma pontuação muito baixa no último quarto, o Mais Querido foi superado pelo Olimpia do Paraguai por 76x78, com disputa até o último segundo. Agora, o Flamengo enfrenta o Pinheiros, nesta quarta-feira, 19h, também no Tijuca, e só a vitória interessa. O time paulistano também foi derrotado pelos argentinos do Estudiantes por 71x68 e estão com a mesma gana. 

Foi uma partida muito equilibrada em todos os momentos. O Flamengo liderou nos três primeiros quartos, com grande atuação de JP e Cubillan, mas pecou demais no último, deixando os paraguaios passarem, mesmo sem terem feito um grande quarto. Porém, foi o suficiente para saírem com a vitória. Com 20 pontos, Olivinha foi o cestinha do Flamengo, mas Freeman fez 22 e liderou as estatísticas. 

O jogo

Quem abriu o marcador foi o Flamengo, com lance de Marquinhos de três, repetido por Olivinha, logo na sequência. O camisa 16 estava inspirado e marcou outra de fora do garrafão, quando os paraguaios chegaram, ampliando para 11x06 e dando gordura para o Flamengo. Ramon também experimentou e de longe guardou o seu. O Olimpia diminuiu, mas Olivinha, com a mão afiada, marcou mais três, abrindo para 17x08, com cinco minutos para acabar o quarto. O domínio rubro-negro, principalmente nos lances de três, foi dominante para o time terminar a primeira etapa na frente com 27x23. 

O segundo quarto foi de coletividade. O Flamengo tocou muito a bola, procurando sempre o melhor jogador para arremessar. E a tática deu certo. Marcelinho, Ramon, MJ e JP rodavam e acertavam as jogadas em quase todos os ataques. Com um jogo mais dentro do garrafão, o Flamengo foi ampliando a vantagem e também contando com a ótima partida de JP, que fez seu duplo-duplo ainda no primeiro tempo, com 10 pontos e 11 rebotes. Com a participação coletiva extremamente funcional, o resultado de 48x40 no final do tempo foi mais que justo. 

Na volta, o Flamengo deu espaços ao Olimpia, que gostou do jogo e enconstou. Com pontuação bem abaixo, o Mais Querido viu os rivais passarem à frente com 53x54 faltando cinco minutos e Neto pediu tempo. Na volta, Cubillan acertou de três e virou novamente. O Flamengo tinha a vantagem, mas não conseguia ampliar e distanciar. No final, Olivinha ainda brigou no garrafão para fazer 61x61 e empatar a etapa. 

A primeira bola do último quarto demorou a cair, e foi do Olimpia (61x63), mas Marquinhos devolveu logo na sequência, na bandeja. Porém, o Flamengo não acertou mais as bolas e fez apenas dois pontos nos primeiros cinco minutos do quarto. O Olimpia aproveitou para passar e ampliar em 63x69 com quatro minutos. Rhett então levantou o ginásio com uma enterrada para devolver os ânimos para o time. O jogo entrou em ritmo alucinante no final. A torcida empurrou o Flamengo, que se viu seis pontos atrás a 1:46 do término. Mas a virada teimava em não vir. Faltando 16 segundos, Martinez acertou de três e praticamente definiu o jogo, fazendo 73x78. Neto pediu tempo, armou a jogada, Marquinhos de três diminuiu para dois pontos a diferença. O Olimpia voltou com a posse de bola e Olivinha forçou a falta. Nos lances livres, Martinez errou as duas e deu esperanças, mas na retomada, Marcelinho não converteu o lance derradeiro e o jogo acabou em vitória paraguaia por 78x76. 

As equipes de basquete do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Estácio, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/26306/flamengo-domina-mas-e-superado-no-final-e-perde-na-estreia

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.