De acordo com o ​UOL, a medida foi um pedido dos dois clubes, que estavam tendo dificuldades para fechar a logística de viagem - haja vista que são poucos os voos diretos. A empresa que está promovendo o confronto aceitou fretar um avião, mas os rivais terão de viajar lado a lado.

A necessidade do voo fretado também se impunha pelo calendário do Flamengo. No meio da semana que vem, o rubro-negro tem um importante compromisso pela Copa Libertadores. 

>>> Veja também: Sem importância? Taça Rio servirá para série de testes no Flamengo