| Futebol

Flamengo espera trazer Everton Ribeiro

Rodrigo Caetano chega a Dubai e onde pretende finalizar contratação de meia-atacante para o rubro-negro

O diretor de futebol do Flamengo, Rodrigo Caetano, e o médico do clube, Márcio Tannure, devem fechar hoje a contratação do meia-atacante Everton Ribeiro. A dupla chegou ontem a Dubai para negociar a transferência do jogador junto ao Al-Ahli. Com o atleta, já está tudo acertado. Falta finalizar o arranjo financeiro com os árabes e analisar os exames. O jogador de 27 anos tem mais dois anos de contrato e voltaria para o Brasil com uma compensação financeira para seu atual clube e um salário alto para padrões nacionais.

Enquanto Everton Ribeiro não chega, o meia Diego iniciou na última terça-feira os treinamentos com todo o elenco do Flamengo. O jogador, que se recupera de uma cirurgia no joelho direito, entrou na fase 4 dentre cinco etapas para voltar a jogar. Ainda faltam algumas semanas para o retorno. A previsão inicial era de seis semanas, estabelecida pelo departamento médico.

No treino de segunda-feira, Diego voltou a campo depois de passar por um período de fortalecimento muscular na academia. No dia seguinte, fez parte do trabalho com todo o grupo, mas não participou do tático com bola para o jogo contra o Atlético-GO. A evolução segue.

Ontem, o meia também treinou no campo, o que deve se repetir ao longo da semana. A presença contra o Atlético-PR domingo, pelo Brasileiro, ainda é precipitada. O atleta deve participar de jogo-treino e treinar com bola durante algum tempo ainda, durante a última etapa de recuperação, para ficar à disposição do técnico Zé Ricardo.

Por mais Vinicius Júnior

O Flamengo e a Time Forte, empresa que gere a escolinha que revelou o atacante Vinicius Júnior, em São Gonçalo, chegaram a um acordo para o repasse de um percentual bem menor da venda do jogador ao Real Madrid.

O previsto em um contrato de 2011 estabelecia 20% do valor devido pela formação do atleta. Caso recebesse 20% da venda de Vinicius, a Time Forte lucraria R$ 32 milhões dos R$ 164 milhões pagos pelos espanhóis. O Flamengo, que recebe limpos cerca de R$ 100 milhões, não deve pagar nem perto dessa quantia.

Representantes do clube e da empresa optaram por não tratar o caso judicialmente, e o Flamengo já se comprometeu a pagar uma quantia simbólica. O acordo verbal está prestes a ser assinado.

A diretoria se sentiu obrigada a prestigiar a escolinha e fomentar a formação de novos talentos. Os sócios da empresa cuidam de diversas escolinhas do clube no Rio e em outras cidades.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-espera-trazer-everton-ribeiro-21390602

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.