Flamengo explica posição favorável para a implantação do VAR no Brasil

Flamengo explica posição favorável para a implantação do VAR no Brasil

O Flamengo foi um dos sete clubes que votou a favor da implantação do VAR (sigla em inglês de video assistant referee ou árbitro assistente de vídeo) já para este Campeonato Brasileiro, em reunião realizada na terça-feira na CBF. Contudo, outros 12 foram contra e a maioria se justificou com os altos gastos que gerariam a utilização da tecnologia. Mesmo ciente disso, a diretoria Rubro-Negra estava disposta a fazer tudo dar certo, como explicou o presidente Eduardo Bandeira de Mello, ao ser questionado pela reportagem do Lance!

- O Flamengo é a favor do VAR. Queremos a implantação e tecnologia. Entendemos que não resolve todos os problemas. O Flamengo entendia que seria razoável que CBF arcasse com os custos da implantação do sistema, dado o que é uma tecnologia de vanguarda e experimental - comentou o mandatário do Flamengo.

Eduardo Bandeira de Mello ainda confirmou que mesmo com a votação contra, a tendência [e que a partir do próximo Brasileiro, o de 2019, seja utilizado o VAR em caráter definitivo, como acontece em várias competições organizadas pela Fifa e pela Uefa. Neste ano, apenas as fases finais da Copa do Brasil utilizarão do recurso, em caráter experimental.

- Respeitamos a posição da CBF e do clubes que entenderam que os custos seriam insuportável neste momento. O Flamengo estaria disposto a arcar, tanto que voltou a favor junto com outros seis clubes. Esse ano ficou restrita a Copa do Brasil mesmo e em caráter definitivo fica para o ano que vem no Brasileiro - completou.