Por conta do ano repleto de altos e baixos, nem parece que o time ainda briga intensamente pelas primeiras posições da tabela do Campeonato Brasileiro. São três pontos que afastam o time do G-4 no momento. Mas o que chama a atenção é que será necessário alcançar 71% de aproveitamento nas últimas sete rodadas para que o Rubro-negro cumpra a meta estipulada. Desempenho maior do que o do líder da competição:

"Queríamos ganhar e trabalhamos para isso. O Flamengo segue o caminho e tudo ainda está muito perto. Faltam sete rodadas. Vamos trabalhar e terminar bem", prometeu o técnico Reinaldo Rueda após o clássico.

Além do Brasileirão, ainda existe outra oportunidade, sem nenhum tipo de cálculo a fazer. A última chance para chegar diretamente aos grupos da Copa Libertadores será o título da Copa Sul-Americana, competição na qual o Fla está nas quartas de final e encara o Fluminense, no jogo de volta no dia 1º de novembro. A primeira partida foi 1 a 0 para os flamenguistas.