| Futebol

Flamengo joga mal e perde para a Ponte Preta em Campinas

Mesmo com um a mais nos minutos finais, rubro-negro é superado por 1 a 0

flameng - Flamengo joga mal e perde para a Ponte Preta em Campinas

Contra a Ponte Preta, em Campinas, o Flamengo teve tudo o que precisava na final da Copa do Brasil: Diego Alves e uma defesa de pênalti. Isso, no entanto, não foi suficiente para fazer o rubro-negro pontuar. Com dois meias, Diego e Éverton Ribeiro, mas sem criatividade o rubro-negro perdeu por 1 a 0 e segue em sétimo no Brasileiro, desempenho muito abaixo do investimento feito pelo clube.

Rueda optou por Geuvânio entre os titulares, com Vinícius Júnior e Gabriel no banco de reservas. A primeira boa chance foi da Ponte Preta, quando, aos oito minutos, Emerson Sheik passou por Renê e cruzou para Lucca cabecear com perigo. A resposta veio aos 23, quando Renê lançou na área e Willian Arão apareceu na área para cabecear. A bola passou perto do gol de Aranha.

Na volta ao segundo tempo, os donos da casa estiveram perto de abrir o placar no primeiro minuto. Em falta frontal à área, Lucca bateu no ângulo superior de Diego Alves, que deu um salto e espalmou com a mão direita para escanteio.

Aos sete, Diego Alves não conseguiu repetir o feito. Em uma jogada de ex-vascaínos, Wendel ajeitou de primeira para Jean Patrick que chutou colocado. A bola resvalou em Réver e, sem muita força, enganou Diego Alves, que se esticou, mas não conseguiu alcançá-la.

Atrás do placar, Rueda fez duas mudanças aos 16. Tirou Márcio Araújo e Geuvânio e colocou dois jogadores ofensivos e de velocidade: Vinícius Júnior e Gabriel. Nem deu tempo para eles participarem quando, aos 17, Willian Arão recuou mal para Réver na entrada da área. Lucca chegou antes na bola e, no primeiro contato com Réver, desabou. O juiz marcou pênalti e, na cobrança, Diego Alves deu uma passo antes da finalização de Lucca, saltou para o lado direito e espalmou. Curiosamente, a bola de Lucca foi justamente no canto em que Alex Muralha pulou em todos os pênaltis batidos por jogadores do Cruzeiro na final da Copa do Brasil.

Após o pênalti desperdiçado, o Flamengo foi mais agressivo. Aos 28, Rueda fez sua última troca. Entrou Felipe Vizeu no lugar de Diego. Aos 34, o Flamengo teve falta quase da meia-lua e Paquetá mandou na barreira. Dois minutos depois, Naldo foi expulsou ao entrar de sola na canela de Vinícius Júnior, em uma imagem forte, mas que não tirou o atacante rubro-negro do campo. Jogador que mais criou perigos, o jovem de 17 anos quase marcou no fim, mas seu chute saiu à esquerda do gol.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-joga-mal-perde-para-ponte-preta-em-campinas-21900444

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.