Flamengo lamenta morte e leva bandeira ao velório de Marielle Franco

Flamengo lamenta morte e leva bandeira ao velório de Marielle Franco

O assassinato de Marielle Franco (PSOL-RJ) e de seu motorista, Anderson Pedro Gomes, na noite da última quarta-feira (14), chocou o noticiário e repercutiu no Flamengo. Através de sua rede social, o clube emitiu nota lamentando o ocorrido e prestou homenagem à vereadora, que era torcedora rubro-negra.

- Lamentamos profundamente o falecimento da rubro-negra Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Pedro Gomes, mortos covardemente na noite de ontem. É difícil conviver com tantos atos de violência, que matam, diariamente, inocentes, mulheres, crianças e homens em todo país - publicou em sua rede social.


Marielle tinha 38 anos e era figura presente em jogos do Flamengo. O clube enviou uma bandeira de luto e uma coroa de flores ao velório da vereadora, que acontece nesta quinta-feira (15). Na Gávea, a bandeira foi hasteada a meio-mastro em sinal de luto. 

Entenda o caso:

Socióloga e eleita vereadora com a quinta maior votação no Rio de Janeiro, Marielle Franco saia de uma reunião na noite desta quarta, quando um carro parelhou com o veículo onde estava e disparou nove tiros. Ela e o motorista morreram na hora. A assessora sofreu apenas ferimentos leves. 

Segundo investigadores da Delegacia de Homicídios (DH), os criminosos fugiram sem roubar nada ou tentar assaltar o veículo. Dias antes, a vereadora havia sido designada como relatora da Comissão que acompanha as tropas na intervenção federal no Rio e denunciou ação violenta de PMs do Batalhão de Irajá contra moradores em Acari.