• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Flamengo mantém negociação com Rafinha, e lateral deve definir futuro nesta semana

Não é de hoje que o Flamengo tem interesse em um lateral direito. Antes, o intuito era de acertar com um jogador que pudesse ser reserva à altura de Rafinha, mas o lateral decidiu sair e foi para o Olympiacos, da Grécia. Depois disso, o Rubro-Negro fechou com Maurício Isla, mas o desejo de contratar mais um para a posição permaneceu. O antigo dono da camisa 13 ficou livre no mercado, e as atenções foram voltadas para o atleta. O defensor, por sua vez, deve definir o futuro nesta semana.

 

 

 

 

A negociação teve início ainda no começo de fevereiro, mas o fato de o Flamengo estar focado na reta final do Campeonato Brasileiro dificultou o desfecho das tratativas. Após o término da competição, as conversas foram retomadas, mas o pedido salarial de Rafinha brecou avanço. Isso porque, os vice-presidentes Rodrigo Tostes, de finanças, e Luiz Eduardo Baptista, o Bap, foram contra o retorno do jogador nas condições apresentadas, segundo o jornal Extra.

Além de um salário alto, o lateral direito voltou a pedir luvas contratuais. No entendimento dos dirigentes, o defensor recebeu essa bonificação entre 2019 e 2020, quando pediu para sair rumo à Grécia. Não à toa, até mesmo o departamento de futebol achou elevada a quantia solicitada. Contudo, o vice-presidente de futebol, Marcos Braz, é o responsável por negociar e ajustar os valores, na intenção de fechar com Rafinha e ter dois nomes de peso para a posição.

As partes devem intensificar as conversas nesta semana, pois o lateral deseja definir o futuro visando a temporada 2021. Rafinha tem o desejo de, caso acerte com o Rubro-Negro, se reapresentar junto ao elenco profissional, que curte férias até o dia 15 deste mês (próxima segunda-feira). As partes tratam com otimismo a situação, mas não escondem a necessidade de realizar ajustes entre as propostas tanto de um lado quanto de outro.

Publicado em colunadofla.com.