| Futebol

Flamengo não acompanha nem situação física de Guerrero: 'Acredito que não está jogando pôquer'', diz médico

flameng - Flamengo não acompanha nem situação física de Guerrero: 'Acredito que não está jogando pôquer'', diz médico

Com o contrato interrompido pelo Flamengo e ainda suspenso pela Fifa por seis meses, devido a uma suspeita de doping, o atacante Paolo Guerrero não tem acompanhamento do clube nem nos treinamentos fora das instalações durante a pré-temporada. O médico Márcio Tanure explicou que o atleta está por conta própria.

- O Guerrero está suspenso, não pode treinar no clube nem usar as instalações. Mas pelo conhecimento que temos do profissionalismo dele, temos certeza que está se cuidando, mantendo a parte física, apesar de não estarmos acompanhando. Quando se apresentar vai estar em condições regulares pelo menos - acredita Tanure, que confirmou que o atleta segue a cartilha de férias distribuída para todos os jogadores.

- Acredito que ele como um cara rodado não está sentado jogando pôquer. Isso pode ser revertido a qualquer momento. Ele tem que estar preparado. Difícil ele fazer por conta própria, mas deve estar tentando. Ele voltando a rotina seria a mesma dos outros, de avaliações, para ver como ele chegaria, e montaríamos a estratégia para ele - emendou.

Guerrero será julgado nas próximas semanas para tentar reverter ainda mais a punição de seis meses da Fifa pelo uso de estimulantes. O jogador não receberá até ser liberado salários do Flamengo, que interrompeu o vínculo.

Médico fala de Adriano: 'Vamos ajudar dentro das nossas possibilidades'

Outro atacante recebe mais atenções. Depois do presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, dizer que a volta de Adriano ao clube, para um projeto especial, estava a cargo do departamento médico, Tanure, foi questionado sobre o assunto. Ele revelou detalhes sobre como o ídolo seria incorporado, caso as conversas avancem.

- Conheço o Adriano, trabalhei em todas as passagens dele. Por ser um ex-jogador, um ídolos, as portas estão abertas para ajudar ele, dentro das nossas possibilidades. Se ele nos procurar, vamos tentar oferecer o máximo possível para que a gente ajude ele - explicou Tanure, negando qualquer semelhança com a recuperação de Conca no clube.

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/flamengo-nao-acompanha-nem-situacao-fisica-de-guerrero-acredito-que-nao-esta-jogando-poquer-diz-medico-22290792.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.