Flamengo: “Sub-15 derrota Fluminense e lidera a Taça Guanabara”

Flamengo: “Sub-15 derrota Fluminense e lidera a Taça Guanabara”

A manhã deste sábado (21) foi rubro-negra na Gávea. Nos dois clássicos contra o Fluminense pelas categorias Sub-15 e Sub-17, válidos pela quinta rodada da Taça Guanabara, os Garotos do Ninho saíram vitoriosos: O Sub-15, comandado pelo treinador Mario Jorge, confirmou o ótimo início de temporada e no primeiro jogo com equipe completa após o título da Nike Premier Cup, venceu no tempo normal de virada por 3×2 (Kaiky [2] e Ryan Luka), resultado que coloca a equipe na liderança isolada da competição, com 100% de aproveitamento. Já o Sub-17, comandado pelo treinador Phelipe Leal e que recentemente conquistou a Adidas Generation Cup, em Dallas, nos Estados Unidos, empatou por 1×1 (Rhyan) no tempo normal e venceu nos pênaltis por 3×2, ficando com mais um ponto de bonificação e subindo para 10 pontos ganhos na classificação. O Fluminense lidera, com 13 pontos. As categorias voltam a campo no próximo sábado (28), quando enfrentam o Macaé fora de casa.

A primeira grande chance de gol do rubro-negro no jogo foi aos dez minutos. João Pedro cobrou escanteio, a bola passou por todo mundo, o goleiro Cayo Felipe ficou batido e Lucas Ribeiro salvou quase em cima da linha. Aos 19, o Fluminense assustou com bela finalização da entrada da área de Metinho. Em grande fase, Christian voou, alcançou a bola que entraria no ângulo e fez belíssima defesa. Aos 28, o goleiro rubro-negro salvou a equipe mais uma vez, defendendo finalização cruzada de Lucas Ribeiro.
O Fluminense abriu o placar aos 34 minutos, com gol de Kayky. O empate veio aos 41. João Pedro cobrou escanteio na cabeça do Kaiky rubro-negro, que subiu com estilo e tocou de cabeça na gaveta, deixando tudo igual no marcador literalmente no último lance da primeira etapa.
Logo no início do segundo tempo, os Garotos do Ninho viraram o jogo. Aos três minutos, Ryan Luka recebeu na entrada da área, cortou a marcação e bateu com muita categoria para colocar o Mais Querido na frente do placar. O clássico era movimentado, e o Fluminense empatou de novo aos dez, em bela jogada individual de Matheus Martins. O Flamengo lutou até o fim, e conseguiu o gol da vitória aos 42 minutos. Após cobrança de falta na área, Diego tocou para o meio da área e o zagueiro artilheiro Kaiky complementou para o fundo das redes, garantindo os três importantes pontos para os Garotos do Ninho e a liderança isolada na Taça Guanabara.
Flamengo: Christian, Cauan Thimoteo (Richard), Diego, Kaiky, Leonardo; Jorge (Kassio), Daniel Campos (Leoni), Ryan Luka (Felippe); Vitor Hugo (Werton), João Pedro e Dudu (Arthur Lessa). Treinador: Mario Jorge.
Sub-17 leva o ponto de bonificação e sobe na classificação
Aos nove minutos, Yuri de Oliveira cobrou falta e a bola passou tirando tinta da trave direita do goleiro Marcelo. O Flamengo era melhor, e chegou com perigo de novo aos 13. Ítalo cruzou e João Gabriel bateu de primeira, quase abrindo o placar. Aos 23, Rodrigo Muniz por muito pouco não fez uma pintura na Gávea. Após bola dividida a bola subiu muito. Ele ganhou do zagueiro, dominou no peito e tentou uma linda bicicleta. Marcelo estava atento e fez a defesa. O Mais Querido finalmente abriu o placar aos 27 minutos. Rodrigo Muniz foi derrubado na meia-lua, e Rhyan cobrou a falta com muita categoria, no cantinho direito de Marcelo, que nada pôde fazer.
Aos 32 minutos o Fluminense finalizou pela primeira vez. Yago bateu forte, de canhota, e a bola explodiu no travessão do goleiro João Fernando. No minuto seguinte, novamente Yago cobrou falta com perigo e a bola foi na rede pelo lado de fora. O duelo particular entre o goleiro rubro-negro e o atacante tricolor era interessante, e aconteceu mais uma vez aos 37 minutos. Dessa vez, Yago bateu de primeira, João Fernando se esticou todo e conseguiu desviar a bola, que novamente explodiu na trave. O Mais Querido voltou ao ataque. Aos 47 Yuri de Oliveira deu bom passe para Braian. O lateral chegou na linha de fundo e cruzou para Rodrigo Muniz, que cabeceou forte. Marcelo voou e fez linda defesa, espalmando para escanteio.
O Fluminense empatou aos oito minutos do segundo tempo, com belo gol de Ewerthon em chute de fora da área. Aos 15, Rhyan tocou pra Rodrigo Muniz, que bateu forte para mais uma boa defesa de Marcelo, principal nome do Fluminense no jogo. O Flamengo pressionava em busca dos três pontos. Aos 40, Braian cruzou e Rodrigo Muniz bateu de primeira. O zagueiro chegou travando e a bola passou muito próxima da baliza tricolor.
Na disputa dos pênaltis prevista em caso de empate, o Flamengo venceu por 3×2 e garantiu mais um ponto de bonificação, chegando aos 10 pontos ganhos e colando nos quatro primeiros colocados na tabela de classificação.
Reprodução: Site do Flamengo