| Futebol

Flamengo supera Atlético-PR e assume ponta na Libertadores

flameng - Flamengo supera Atlético-PR e assume ponta na Libertadores

O Flamengo assumiu a liderança do grupo 4 da Copa Libertadores, ao derrotar o Atlético-PR por 2 a 1, em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Maracanã, diante de mais de 50 mil pagantes. O resultado fez o Rubro-Negro chegar aos seis pontos e abrir vantagem sobre os outros competidores da chave.

O Furacão segue com quatro pontos, agora na terceira colocação. Os gols foram marcados por Guerrero e Diego, ambos no primeiro tempo, para o Flamengo, enquanto Nikão descontou para a equipe do Paraná, já na etapa final.

O resultado fez justiça ao melhor desempenho do Flamengo. A equipe dirigida por Zé Ricardo foi eficiente na marcação e objetiva no ataque. Os paranaenses sentiram a falta de alguns titulares e só melhoraram no segundo tempo, o que não foi suficiente para reverter o marcador. Na próxima rodada da Libertadores, o mando se inverte, e o Furacão recebe os cariocas.

Flamengo chegou aos seis pontos (Foto: Yasuyoshi Chiba/AFP)

O jogo –  Apoiado pela torcida, o Flamengo iniciou a partida tentando empurrar o adversário para sua defesa. Aos 3, a equipe da casa criou a primeira oportunidade. Pará cruzou, Trauco cabeceou, a bola bateu na zaga e se ofereceu na entrada da área para Márcio Araújo. O volante encheu o pé, mas mandou para fora.

Aos 6, o Rubro-Negro marcou o primeiro. Após lançamento de Trauco, Guerrero se livrou de Thiago Heleno e tocou por cobertura na saída de Weverton, que tocou na bola. Guerrero subiu com Thiago Heleno e mandou para o fundo da rede. Foi primeiro gol marcado pelo atacante peruano na competição.

Mesmo após alcançar a vantagem, o time da Gávea seguiu pressionando em busca do segundo gol, enquanto o Furacão se mostrava assustado com a pressão dos donos da casa. Só aos 11 minutos é que o goleiro Alex Muralha precisou aparecer, para desviar de soco um cruzamento de Lucho González.

Aos 15, o Flamengo ampliou. Willian Arão cruzou, a zaga paranaense hesitou e Diego apareceu para bater forte, sem qualquer chance de defesa para Weverton.

O Flamengo quase marcou o terceiro gol aos 26 minutos, quando Diego arriscou, da intermediária, e acertou o travessão, perdendo a chance de praticamente liquidar a fatura.

Os dois times voltaram sem modificações para o segundo tempo. E foi o Flamengo que criou a primeira oportunidade, antes do primeiro minuto. Guerrero bateu de esquerda e quase encobriu Weverton, que acabou fazendo a defesa.

Aos 4, o goleiro Muralha saiu mal em cruzamento, mas o ataque do Atlético-PR não conseguiu aproveitar. Preocupado com a falta de eficiência do seu ataque, o técnico Paulo Autuori decidiu colocar o atacante Grafite em campo. O veterano atacante não atuava desde março por causa de uma lesão.

Aos 13, o Furacão marcou o primeiro gol. Lucho González achou Douglas Coutinho na ponta direita. O atacante cruzou e Nikão apareceu livre para tocar a bola para o gol.

Depois de marcar, a equipe paranaense se animou para tentar buscar o empate. O Flamengo, por sua vez, tentava se reorganizar para voltar a assumir o controle da partida. Aos 20 minutos, o meia Diego sentiu uma lesão e pediu para sair, entrando Matheus Sávio em seu lugar.

Aos 32 minutos, o goleiro Alex Muralha apareceu bem ao defender um chute perigoso de Luiz Otávio, evitando o empate dos visitantes no Maracanã.

O Flamengo só voltou a ameaçar aos 38, quando Guerrero foi lançado na corrida, mas o goleiro Werverton saiu nos pés do peruano e abafou o perigo. Nos minutos finais, o time carioca apenas tocou a bola para impedir qualquer reação atleticana e garantir a importante vitória.

FICHA TÉCNICA FLAMENGO 2 X 1 ATLÉTICO-PR

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ) Data: 12 de abril de 2017 (Quarta-feira) Horário: 21h45(de Brasília) Público: 53.389 pagantes Árbitro: Wilson Lamouroux (Colômbia) Assistentes: Wilmar Navarro (Colômbia) e Dionisio Ruiz (Colômbia) Cartões Amarelos: Donatti, Pará(Fla); Paulo André(AP) Gols: FLAMENGO: Paolo Guerrero, aos seis e Diego, aos 15 minutos do primeiro tempo ATLÉTICO PR: Nikão, aos 13 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará(Cuéllar),  Donatti, Réver e Renê; Márcio Araújo, Willian Arão, Diego(Matheus Sávio) e Trauco; Gabriel (Marcelo Cirino) e Paolo Guerrero Técnico: Zé Ricardo

ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Deivid(Luiz Otávio), Matheus Rossetto, Lucho González(João Pedro) , Nikão e Douglas Coutinho; Eduardo da Silva(Grafite) Técnico: Paulo Autuori

Fonte: http://www.gazetaesportiva.com/campeonato-copa-libertadores/flamengo-supera-atletico-pr-e-assume-lideranca-do-grupo/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.