| Futebol

Flamengo tem tradição recente de efetivar interinos

Andrade, Rogério Lourenço e Jayme de Almeida ganharam oportunidades

flameng - Flamengo tem tradição recente de efetivar interinos

Aproveitamento de ídolos, títulos, demissões polêmicas. O Flamengo, que anunciou nesta quinta-feira a efetivação de Zé Ricardo como treinador, tem uma tradição recente de dar oportunidade para técnicos interinos. Os reusltados, no entanto, foram bem diferentes. O caso de maior destaque foi de Andrade, que assimiu um time desacreditado no meio do Brasileiro de 2009 e foi campeão do torneio.

Em 2010, após ser demitido, o próprio Andrade também foi substituído por seu auxiliar, Rogério Lourenço, que durou menos de quatro meses jogos no cargo. Três anos depois, foi a vez de Jayme de Almeida ganhar uma chance e conquistar dois títulos com o clube: a Copa do Brasil daquele ano e o Carioca de 2014.

ANDRADE

Um dos maiores ídolos do Flamengo, Andrade fez parte da geração vitoriosa dos anos 80. Voltou ao Flamengo como auxiliar técnico, dirigindo o time como interino algumas vezes em 2004 e 2005. Em 2009, foi efetivado depois da demissão do técnico Cuca.

Na época, foram necessários apenas dois jogos para ganhar a confiança da diretoria: duas vitórias, contra Santos (2x1) e Atlético-MG (3x1). Quando assumiu, na 14ª rodada do Brasileiro, o time estava na 8ª colocação. No final do ano, foi campeão, liderado por Adriano e Petkovic.

Em 2010, no entanto, a desclassifcação no Campeonato Carioca e a campanha regular na primeira fase da Libertadores, selaram o destino do ídolo, que foi demitido em abril. Na época, o técnico reclamou que a demissão foi injusta, já que tinha 70% de aproveitamento nos jogos.

Após a passagem pelo Flamengo, Andrade seguiu com a carreira de treinador, mas apenas com equipes de menor expressão, como Paysandu e Boavista. Hoje, está desempregado.

ROGÉRIO LOURENÇO

Após a demissão de Andrade, a diretoria do Flamengo tentou contratar Joel Santana, então no Botafogo, que negou o convite. A solução encontrada foi apostar em Rogério Lourenço, que trabalhava como auxiliar de Andrade.

Jogador do clube nos anos 80 e 90, Rogério já havia treinado os juniores do Flamengo e da Seleção Brasileira. Seu primeiro compromisso como interino foi um desafio de peso: as oitavas de final da Libertadores contra o Corinthians. A classificação para as quartas garantiu a efetivação.

O clube, no entanto, seria eliminado logos depois, nas quartas. Rogério seguiu como técnico no início do Brasileiro, mas não resistiu à sequência de maus resultados e foi demitido em agosto, depois de apenas 5 vitórias em 16 partidas da competição.

O técnico trabalhou depois no Bahia, na seleção olímpica da Arábia Saudita e no Tombense. Atualmente é comentarista esportivo.

JAYME DE ALMEIDA

Jogador do Flamengo nos anos 70, Jayme voltou ao clube como auxiliar em 2010, pelas mãos do técnico Vanderlei Luxemburgo, e comandou o time em algumas ocasiões nos anos seguintes. A grande chance veio após o repentino pedido de demissão do técnico Mano Menezes, em setembro de 2013.

Jayme assumia o time em uma situação delicada: o Flamengo estava em15º no Brasileiro, a apenas dois pontos da zona de rebaixamento. Em sua primeira partida, o interino empatou com o Naútico por 0 a 0. Dias depois, no entanto, foi confirmado como novo técnico, horas antes de um confronto contra o Botafogo pelas quartas de final da Copa do Brasil.

A confiança foi justifcada: o time foi campeão do torneio, e o contrato de Jayme foi renovado no final do ano até 2015.

No ano seguinte, outro título, no Campeonato Carioca. Na Libertadores, contudo, o time foi eliminado ainda na primeira fase. E, após apenas uma vitória em quatro jogos no Brasileiro, Jayme foi demitido em maio. Na época, reclamou por ter sido avisado do desligamento pela imprensa.

A mágoa passou, no entanto, e Jayme voltou ao clube, em 2015, como auxiliar, novamente trazido por Luxemburgo. Desde então, voltou a dirigir o clube algumas vezes, entre trocas de treinadores, e permanece no Flamengo.

Fonte: http://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-tem-tradicao-recente-de-efetivar-interinos-19714808

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.