| Futebol

Flamengo teme não poder usar o Maracanã contra o Corinthians

Rubro-negro ainda espera por laudos de Corpo de Bombeiros e Gepe

O Flamengo corre contra o tempo para tentar realizar a partida contra o Corinthians, no dia 23, no Maracanã. Porém, ainda não tem a certeza se conseguirá mandar o confronto no estádio. Apesar do gramado estar pronto, só nesta terça-feira o Corpo de Bombeiros e o Grupamento de Especial de Policiamento em Estádio (Gepe) farão as vitórias necessárias para a liberação do estádio.

A diretoria teme que a ausência de cadeiras em alguns pontos e o excesso de resto de material usado para o Rio-2016, que ainda bloqueiam portões, façam com que o Maracanã seja reprovado e os laudos não saiam. Como plano B, o Flamengo já deixou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) de sobreaviso para poder usar o Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

O rubro-negro espera conseguir os laudos para contratar todos os serviços que precisa para a partida, que será a primeira com operação quase exclusiva do clube. Porém, a diretoria não está animada. Fontes ligadas executivo do Flamengo, acham pouco provável que o Maracanã seja de fato liberado. O clube precisará gerir e contratar todos os serviços de segurança, alimentação, orientação de público, bilhetagem, entrada e de imprensa do estádio. No entanto, sem garantias de que a partida de fato acontecerá, o rubro-negro ainda não pôde fechar contratos, o que pode causar um preço extra devido a urgência de contratação dos serviço.
Por isso, até agora, a diretoria trabalha com um preço mínimo de R$80 de para o lado Norte - onde tradicionalmente se posicionam as organizadas do clube. O lado Sul, destinado ao Corinthians, pode ser mais mais caro. No entanto, isso não passa de estudos internos do clube que ainda pesquisa fornecedores.

Fonte: http://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-teme-nao-poder-usar-maracana-contra-corinthians-20303210

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.