| Futebol

Flamengo vence na estreia pela Copa do Brasil

Brasil-RS marca no fim e leva decisão para o Rio de Janeiro; partida de volta será no dia 18 de março, no Maracanã

Alecsandro abriu o placar em Pelotas

Alecsandro abriu o placar em Pelotas

Na noite desta quarta-feira (25.02), o Flamengo estreou na Copa do Brasil com uma vitória fora de casa. O Rubro-Negro superou o Brasil-RS por 2 a 1, no estádio Bento Freitas, em Pelotas. Alecsandro e Pará marcaram para o Mais Querido. Nos acréscimos, Nena fez o gol do adversário, que levou a decisão da vaga para a segunda fase para o Maracanã, às 22h do dia 18 de março.

A partida que marca o início da busca pelo tetracampeonato também foi o centésimo jogo de Paulo Victor pelo Flamengo, estreia do volante Jonas e a 517ª vez que Léo Moura entrou em campo, superando Carlinhos Violino (516).

Faça parte de cada vitória rubro-negra e faça o Flamengo cada vez mais forte. Seja sócio-torcedor.

O jogo
No primeiro tempo, o Flamengo teve domínio na posse de bola e mostrou que não sentiu a pressão da torcida adversária, que encheu o estádio Bento Freitas. Aos 10 minutos, a primeira jogada de perigo rubro-negra: Marcelo Cirino fez boa jogada pela esquerda, pedalou, passou por Wender e cruzou para Alecsandro, deixando o atacante na cara do gol, mas o chute desviou em Washington e saiu pela linha de fundo. Aos 25, o Brasil assustou com cabeçada no travessão de Paulo Victor, mas a bandeirinha já assinalava o impedimento de Fernando Cardozo. No contragolpe, Canteros tentou surpreender o goleiro adversário da linha do meio de campo, mas Martini estava atento e defendeu. Foi aos 30 minutos que Alecsandro abriu o placar para o Mais Querido: Léo Moura cruzou e, aproveitando falha da zaga do Brasil, Alecsandro chutou superando o goleiro e balançou a rede. O gol foi do camisa 9, mas a comemoração também foi para Eduardo, aniversariante do dia que ganhou um parabéns dos companheiros. Depois de fazer 1 a 0, o Flamengo cresceu ofensivamente na partida. Antes do apito que anunciou o intervalo, o Brasil ainda perdeu o que seria o gol de empate, em chute forte de Nena.

Na segunda etapa, já aos três minutos, Alecsandro quase marca o segundo. Cirino avançou pela direita e cruzou para o centroavante, mas Wender afastou. Aos 15, foi a vez de Samir passar perto do gol com cabeçada após boa cobrança de escanteio de Canteros. Pouco depois, Luxemburgo fez sua primeira substituição, tirando Cáceres para a entrada do estreantes Jonas. Quase em seguida, Luiz Antonio e Arthur Maia entraram no lugar de Alecsandro e Eduardo. O Rubro-Negro continuou impondo seu ritmo e buscando mais um gol. Até que aos 29 minutos, Pará ampliou com um chute colocado de fora da área, depois de pegar o rebote da cobrança de falta de Arthur Maia: 2 a 0. Cinco minutos depois, Marcelo Cirino invadiu a área e bateu cruzado para dar trabalho ao goleiro. Aos 37, os dois arqueiros operaram milagres em campo. Primeiro, Paulo Victor fez defesa à queima-roupa do chute de Washington; no contra-ataque, Arthur Maia driblou dois marcadores, arriscou de fora da área e obrigou Martini a fazer grande defesa. Já nos acréscimos, o Brasil-RS conseguiu marcar o gol que levou a decisão da vaga para o Rio de Janeiro.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/20522/flamengo-vence-na-estreia-pela-copa-do-brasil

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.