| Futebol

Fora de casa, Flamengo bate Chapecoense e assume vice-liderança

flameng - Fora de casa, Flamengo bate Chapecoense e assume vice-liderança
Diego e Gabriel festejam gol que ajudou Fla a subir para segundo no Brasileirão (Foto: Jana Mafalda/Mafalda Press)

O Flamengo assumiu a vice-liderança do Campeonato Brasileiro ao derrotar a Chapecoense por 3 a 1, em partida disputada na tarde deste domingo, na Arena Condá, em Chapecó. O resultado fez o rubro-negro da Gávea chegar aos 40 pontos ganhos, três a menos do que o líder Palmeiras. A Chapecoense segue com 30 pontos ganhos, na décima posição. Os gols foram marcados por Diego e Leandro Damião, de pênalti, e Mancuello para o Flamengo, enquanto Kempes descontou para a equipe catarinense.

O Flamengo mereceu a vitória por ter mostrado mais objetividade do que o adversário na maior parte do confronto. A Chapecoense mostrou muito espírito de luta, mas não conseguiu superar a equipe carioca que soube aproveitar as chances para construir uma importante vitória.

Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar a Ponte Preta em Cariacica. A Chapecoense vai encarar o Santa Cruz, no Arruda.

O jogo – Diante de um grande e entusiasmado público, o jogo começou em ritmo veloz. E, logo aos dois minutos, a Chapecoense criou a primeira oportunidade de gol, quando Gimenez cruzou na área e Alex Muralha cortou mal, mas a zaga rubro-negra aliviou o perigo, evitando a conclusão por parte dos atacantes catarinenses. A equipe da casa ficava mais tempo com a bola nos pés e o Flamengo apenas se limitava a tentar bloquear as investidas do adversário.

Aos seis minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Filipe Machado cabeceou e a zaga rubro-negra salvou em cima da linha.

No seu primeiro ataque, aos dez minutos, o Flamengo abriu o marcador. Pará cruzou da direita e Diego completou, de primeira, para as redes, sem chances de defesa para o goleiro Danilo.

Depois de sofrer o gol quando estava melhor em campo, a equipe de Santa Catarina ficou desnorteada, enquanto o Flamengo tentava se aproveitar do desacerto do time da casa.

O jogo ficou equilibrado, mas com poucos lances de área. Os dois times tocavam a bola lateralmente e não tinham poder de penetração. Só aos 29 minutos é que a torcida se agitou quando Gimenez lançou Hyoran que demorou a concluir e acabou desarmado pela zaga carioca.

Aos 41 minutos, a Chapecoense marcou o gol do empate. Cléber Santana mandou a bomba, Alex Muralha fez defesa parcial e Kempes chegou antes dos zagueiros para colocar nas redes.

O time carioca teve a chance de desempatar aos 44 minutos, mas o lateral Dener, com um carrinho providencial, evitou a conclusão de Everton que entrava livre na área. Logo depois foi a vez de Guerrero cabecear para defesa segura de Danilo, no último lance importante do primeiro tempo.

O Flamengo voltou mais agressivo para o segundo tempo. Aos três minutos, Willian Arão, de cabeça, tocou para Everton que chutou por cima do travessão, desperdiçando uma boa oportunidade para desempatar. Aos seis minutos, Kempes se enroscou com Rafael Vaz na área e caiu na área. A torcida do Verdão pediu a marcação de pênalti, mas o árbitro nada marcou. No minuto seguinte foi a vez de Kempes girar e bater forte para boa defesa de Alex Muralha.

A resposta da equipe rubro-negra veio aos 11 minutos quando Everton chutou, a bola bateu na zaga e se ofereceu para Márcio Araújo na entrada da área, mas o volante chutou mal, desperdiçando a chance.

A partida ficou mais aberta com as duas equipes procurando o segundo gol. Aos 13 minutos, o lateral Dener mandou a bomba e Alex Muralha fez grande defesa, espalmando para escanteio.

Por volta  dos 15 minutos, o técnico Zé Ricardo tentou aumentar o poder ofensivo da equipe carioca. Ele colocou o meia Mancuello e o atacante Leandro Damião nas vagas de Everton e Gabriel.

As mudaram tornaram o Flamengo mais perigo e, aos 19 minutos, depois de evitar a marcação, Diego bateu forte, mas a bola saiu.

Aos 23 minutos, Guerrero tabelou com Mancuello e foi derrubado por Filipe Machado na área. O árbitro marcou pênalti , muito contestado pelos catarinenses. Dois minutos depois da marcação, Leandro Damião bateu no meio do gol e colocou o Flamengo na frente.

Aos 29 minutos, a equipe carioca desperdiçou uma ótima oportunidade de ampliar o marcador.Guerrero foi lançado na área e chutou. Danilo defendeu parcialmente e o atacante peruano voltou a concluir, mas o goleiro da equipe catarinense ficou com a bola.

A Chapecoense só voltou a assustar aos 34 minutos em cabeçada de Lucas Gomes, mas o goleiro Alex Muralha fez boa defesa e evitou o empate. O time catarinense partiu para buscar o gol do empate e aos 35, Arthur Maia chutou forte e assustou o goleiro rubro-negro. Um minuto depois, Gimenez cruzou e Rafael Vaz quase marcou contra, ao tentar desviar para escanteio.

O técnico do Flamengo colocou o volante Cuéllar na vaga do meia Diego para fortalecer a defesa e acabou alcançando seu objetivo. O Flamengo conseguiu resistir aos ataques da Chapecoense e ainda conseguiu marcar o terceiro gol aos 44 minutos, através do argentino Mancuello que mandou uma bomba sem defesa para Danilo.

FICHA TÉCNICA CHAPECOENSE-SC 1 X 3 FLAMENGO-RJ

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC) Data: 28 de agosto de 2016 (Domingo) Horário: 16h (de Brasília) Público: 11.562 pagantes Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN) Assistentes: Flavio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN) Cartões Amarelos: Martinuccio, Josimar, Gimenez (Chape)

Gols: CHAPECOENSE: Kempes, aos 41 minutos do primeiro tempo FLAMENGO: Diego aos dez minutos do primeiro tempo; Leandro Damião, aos 25 minutos  e Mancuello, aos 44 minutos do segundo tempo

CHAPECOENSE: Danilo, Gimenez, Willian Thiego, Filipe Machado e Dener; Gil, Josimar(Sérgio Manoel), Cleber Santana e Hyoran(Arthur Maia); Martinuccio(Lucas Gomes) e Kempes Técnico: Caio Junior

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Diego(Cuéllar), Gabriel (Leandro Damião) e Everton(Mancuello); Paolo Guerrero Técnico: Zé Ricardo

Fonte: http://www.gazetaesportiva.com/campeonato-brasileiro-serie-a/fora-de-casa-flamengo-bate-chapecoense-e-assume-vice-lideranca/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.