• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Gabigol e Cacau Cotta são denunciados pelo TJD por acontecimentos no primeiro jogo da decisão do Estadual

Os minutos finais e o pós-jogo da decisão do confronto entre Flamengo e Fluminense foram agitados no último domingo (12). Com isso, o Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro decidiu denunciar Gabigol e também Cacau Cotta, diretor de relações externas do clube. A informação foi divulgada inicialmente por Marcos Coelho, da Rádio Tupi.

A dupla está sendo enquadrada no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, onde diz “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”. O TJD deve formalizar a denúncia ainda nesta terça-feira (14).

A pena de Gabigol pode chegar até seis partidas, já incluindo a suspensão automática por conta do cartão vermelho. Essa já será cumprida na próxima quarta-feira (15), no segundo jogo diante do Fluminense. Caso pegue mais de uma partida de gancho, o camisa 9 terá de cumprir nos próximos jogos das competições realizadas pela Ferj.

Cacau Cotta, diretor de relações externas do Flamengo, foi enquadrado também no artigo 258, mas por conta de discussões com atletas do Fluminense na saída do túnel para os vestiários. A punição vai de 15 a 180 dias.

Publicado em colunadofla.com.