GE: “Fla analisa nomes de zagueiro, lateral e aguarda definição de Vinicius por reposição”

GE: “Fla analisa nomes de zagueiro, lateral e aguarda definição de Vinicius por reposição”

Com duas vitórias para respirar – uma contra o Ceará no Brasileiro, onde é líder, e outra diante da Ponte Preta para encaminhar a classificação na Copa do Brasil – e na expectativa de avançar na Libertadores, o Flamengo, sob nova direção, se reorganiza para contratar mais jogadores ainda nesta temporada. Objetivos definidos desde o fim do ano passado – que passava por avaliação de Reinaldo Rueda de rejuvenescimento do elenco -, um zagueiro mais jovem e um novo lateral são as prioridades para o departamento de futebol.

O Centro de Inteligência em Mercado do Flamengo (CIM), comandado por Marcos Biasotto, segue mapeando e colhendo informações de atletas para estas posições. No início do ano, as tentativas terminaram frustradas nos casos do lateral Zeca – que, ironicamente, deve estrear pelo Inter contra o Flamengo, no domingo – e do zagueiro Pablo, que permaneceu no futebol francês.

Com Pará, Rodinei, Trauco e Renê nas laterais, os veteranos Juan, Réver e Rhodolfo, que ainda está fora do time por lesão, além dos jovens Léo Duarte e Thuler na zaga, a ideia é trazer reforços jovens, mas com mais rodagem para os dois setores.

A saída de Everton, vendido ao São Paulo por R$ 7,5 milhões (correspondente à metade dos direitos econômicos pertencentes ao Flamengo), e a incerteza da continuidade de Vinicius Junior, que tem boas chances de se transferir para o Real Madrid em julho, quando completa 18 anos, levam o Rubro-Negro a procurar novas opções. A janela para transferências no futebol brasileiro – de jogadores que vêm para o Brasil – abre dia 16 de julho.

“Ceticismo com absolvição de Guerrero”