Sem poder contar com Thiago e César, fora por problemas médicos, o jovem Gabriel Batista, 5º goleiro deverá ser o reserva na Colômbia. E a situação ainda depende de uma consulta a Conmebol sobre a possibilidade de inscrição do menino.

Após o o apito final nesta quinta-feira, o discurso foi firme no apoio a Muralha. Durante o jogo, no entanto, ficou claro que o goleiro não passa por um momento técnico feliz:

​– O Diego Alves se encaixou perfeitamente no nosso time, ninguém quer perder um jogador como ele. Mas o Muralha foi bem, não é fácil entrar em um jogo desse. Eu admiro extremamente ele, a força que tem é incrível. Tem de ser muito forte para superar tudo isso – afirmou o meia Diego, em entrevista ao ​UOL

​​