| Futebol

Goleada da Chapecoense é exemplo para o Flamengo diante do Cruzeiro

Paulo Victor lembra triunfo do time catarinense sobre o Inter para garantir que rubro-negros têm condições de surpreender o líder no Maracanã: "Vamos buscar a vitória"

saiba mais
  • Veja os números do confronto entre Flamengo e Cruzeiro

A missão é complicada. O Flamengo tem pela frente o líder isolado do Brasileirão, com sete pontos de vantagem sobre o segundo colocado e apenas cinco derrotas na competição. O primeiro passo para deixar para trás a diferença de 22 pontos na tabela e despachar o Cruzeiro no Maracanã, porém, é acreditar. E o elenco rubro-negro acredita, e muito, que é possível. Não só por confiar no próprio futebol, mas também por um exemplo recente: a goleada de 5 a 0 da Chapecoense sobre o Internacional, quinta-feira, em Santa Catarina.

Na ocasião, 19 pontos distanciavam as equipes na tabela, mas o time de Chapecó fez valer o mando de campo sobre o então vice-líder. O próprio Flamengo, no ano passado, também deixou de lado o abismo que o separava do Cruzeiro no Brasileirão e levou a melhor em confronto pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Sendo assim, Paulo Victor não tem dúvidas de que o Rubro-Negro tem total condição de impor a segunda derrota consecutiva aos cruzeirenses na competição - foi derrotado em casa pelo Corinthians, na última quarta.

- O Inter foi em Chapecó e perdeu por 5 a 0. O futebol hoje é muito equilibrado. O último pode ganhar do primeiro. Então, vamos buscar a vitória para sair da confusão. Sabemos que o Cruzeiro tem um time qualificado, um banco excelente, e temos que ter tranquilidade. Mas vamos lembrar que estamos em casa, com o apoio da torcida e buscaremos a vitória a todo momento com a atenção redobrada para não darmos bobeira. O Cruzeiro é um time que bota para dentro do gol com uma ou duas chances.

Paulo Victor, Treino do Flamengo (Foto: Carlos Mota / Globoesporte.com)Veterano no Fla, Paulo Victor acredita em vitória sobre líder Cruzeiro no Maracanã (Foto: Carlos Mota / Globoesporte.com)



Se há exemplos positivos a serem seguidos, a lembrança do turno não é das melhores para os rubro-negros. Pela nona rodada, com Ney Franco no comando, o Flamengo foi derrotado por 3 a 0 pelo Cruzeiro, em Uberlândia, na última partida antes da Copa do Mundo. Paulo Victor, por sua vez, garante que não há qualquer semelhança entre o time que foi presa fácil para Raposa no Parque do Sabiá e o atual.

- A motivação é outra, a posição na tabela é outra, o treinador é outro... É outro jogo, outra história.

O Flamengo é o 11º colocado no Brasileirão, com 34 pontos, 22 a menos que o líder Cruzeiro. O confronto deste domingo está marcado para às 16h (de Brasília), no Maracanã, e é válido pela 28ª rodada.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.