| Futebol

Goleiro no Guinness, vitória contra o Bota... Arena Botafogo traz bons ventos para o Fla

O reformado Luso-Brasileiro, também conhecido como Estádio do Ventos Uivantes, tem histórias que podem motivar o Flamengo para o clássico deste sábado, pelo Brasileirão.

flameng - Goleiro no Guinness, vitória contra o Bota... Arena Botafogo traz bons ventos para o Fla

O Luso-Brasileiro, chamado de Arena Botafogo após a reforma que passou para receber os jogos do Glorioso, será palco do clássico entre o Alvinegro e o Flamengo neste sábado. No entanto, a agora casa botafoguense, também conhecida como Estádio dos Ventos Uivantes por conta das ventanias que ocorrem por lá, traz no ar da sua história sinais positivos para o Rubro-Negro que podem servir de inspiração e motivação para a partida. No local, um goleiro do Fla protagonizou um lance histórico que o eternizou no Guinness, o livro dos recordes. Além disso, no último jogo entre os times no estádio, o Flamengo saiu vencedor.

O ano era 1970, no dia 19 de setembro. Na última rodada do Campeonato Carioca, o Flamengo enfrentou o Madureira no Luso-Brasileiro e o então goleiro rubro-negro Ubirajara Alcântara gravou seu nome na história do clube e do futebol mundial. Ele fez um dos gols da vitória por 2 a 0 e se tornou o primeiro goleiro do Fla a balançar a rede e o primeiro de sua posição a marcar com a bola rolando. A grandiosidade do feito foi tanta que acabou no livro dos recordes.

Hoje com 70 anos, Ubirajara lembra do lance claramente até hoje. Após realizar uma defesa, ele chutou a bola da sua própria área e surpreendeu o goleiro adversário.

- Eu dei um chute de reposição de jogo. A bola quicou e encobriu o goleiro. Foi um grande gol - relembra Ubirajara.

O ex-goleiro fez questão de deixar claro uma coisa: o seu gol não saiu por causa dos vendos recorrentes no estádio. Ele se mostrou chateado com essa história e disse que ela é uma invenção da imprensa da época para desmerecer o seu feito.

- Não existe essa história de vento. Esquece isso. Isso foi uma coisa que a antiga imprensa inventou, desmerecendo o meu gol, que foi algo marcante, histórico. É preciso respeitar um feito que foi parar no livro dos recordes. Eles inventaram essa história porque sou negro. Se eu fosse branco, de olhos azuis, seria um gol incrível - desabafou Ubirajara, que ainda brincou com Pelé.

- O Pelé fez mais de mil gols. Eu fiz um e estou do lado dele no livro dos recordes. Para você ver como foi importante o meu gol. O meu gol tem o valor de mil - disse o ex-jogador do Flamengo.

Outra boa recordação do Fla no estádio é de 2005. Botafogo e Flamengo dividiam a Arena Petrobras, nome dado ao mesmo Luso-Brasileiro após passar por reforma, no Brasileirão daquele ano, enquanto o Maracanã estava fechado para obras visando o Pan-Americano de 2007. E no confronto direto entre os rivais, o Rubro-Negro levou a melhor.

O Flamengo venceu a partida por 2 a 0. Os gols do triunfo rubro-negro foram marcados pelo lateral-direito Léo Moura, hoje em fim de carreira atuando pelo Santa Cruz, e o atacante Jean, que está no América-RJ.

Assim, o Flamengo pode aproveitar os ventos positivos do Luso-Brasileiro para começar bem sua série final do primeiro turno do Campeonato Brasileiro e se consolidar no G4 da competição nacional.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/goleiro-guinness-vitoria-contra-bota-arena-botafogo-traz-bons-vendos-para-fla.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.