Governador do Rio inclui clubes pela primeira vez em nova licitação do Maracanã

Governador do Rio inclui clubes pela primeira vez em nova licitação do Maracanã

O governador Luiz Fernando Pezão prometeu nova licitação do Maracanã para antes das eleições de outubro. Porém, o processo de transição pode esbarrar nas investigações da Lava Jato. Governo e Odbrecht discutem o fim do contrato do estádio que deve começar a se decidir em novembro.

Se tudo der certo, possivelmente o Maracanã volte para as mãos do estado antes de um novo processo de licitação. Porém, o governo passa por grave crise financeira e não teria como arcar com os altos custos do estádio. Esse, aliás, é o maior problema de acordo com os administradores.

Caso nenhuma das partes questione os termos e cláusulas de uma nova licitação, tudo poderia se resolver em seis meses. Mas, pela primeira vez, o governador afirmou que incluiu a participação dos clubes no documento.