O clube, inclusive, divulgou um vídeo da atividade realizada nesta manhã pelo atleta no centro de treinamentos, algo que repercutiu de forma altamente positiva entre os fãs. Por enquanto, os exercícios são dentro da academia. A ideia é que, aos poucos, a intensidade dos mesmos seja aumentada para que ele possa retomar os trabalhos com bola e, assim, iniciar a pré-temporada do ano que vem normalmente com os demais companheiros.

O diagnóstico de Ederson aconteceu no final de julho. Passada a cirurgia, também precisou de sessões de quimioterapia, encaradas na boa pelo profissional. Durante este período, recebeu o carinho de atletas, torcedores e clubes de todo o Brasil. Inclusive, compareceu ao Ninho do Urubu e a jogos do Flamengo para não perder o contato com os colegas. O meia é mais um exemplo de superação.