| Futebol

Greve geral Rubro-Negra

flameng - Greve geral Rubro-Negra

Aproveitando o espírito da greve geral que toma conta de muitas cidades do país, aproveito para reivindicar alguns pontos para a melhoria do time do Flamengo.

Depois de mais uma derrota fora de casa na Libertadores da América, novamente jogando bem, mas fracassando no resultado final, está claro que precisamos de algumas mudanças para que possamos ter uma boa continuidade na competição continental.

Gabriel:

Não dá mais pra cogitar a utilização do Gabriel como principal desafogo ofensivo do time em campo. Sabemos muito bem que não foi uma saída emergencial, tínhamos outras opções, e além disso não tinha necessidade alguma de jogar os 90 minutos da última partida.

O craque do Baba no Lasca da Ribeira até pode ser útil, entrando no decorrer das partidas, mas claramente faltam a ele fundamentos básicos de futebol para um atleta profissional. Não gosto de caça-as-bruxas após resultados negativos, mas ele teve sim uma boa parcela de culpa nessa derrota.

Alex (?)Muralha(?):

Precisamos procurar urgentemente no mercado outro goleiro para assumir a defesa da meta rubro-negra a partir da próxima fase da Libertadores. É uma tragédia anunciada, quanto mais afunila, mais corremos perigo com Alex Muralha no gol.

Se um bom time (que quer ser campeão da principal competição das Américas) começa por um bom goleiro, o Flamengo está em apuros com Muralha. Não é de hoje que o superestimado Alex Santana está deixando a desejar, o cara não passa nenhuma confiança.

Não tem nem como falar que não comprometeu, pois a sua falha bisonha no lance que deu o primeiro gol do Atlético-PR certamente mudou o rumo da partida, quebrando totalmente a proposta de jogo, e a estratégia planejada pelo Flamengo.

É um deus nos acuda a cada bola aérea do adversário, o espalhafatoso arqueiro do Flamengo tem seríssimas dificuldades nesse tipo de jogada que é o feijão com arroz de qualquer goleiro medíocre. Isso pra não falar da sua nulidade em defesas de cobrança de pênalti.

Rafael Vaz:

O cara veio pra ser reserva, e tem que ser reserva. Não passa nenhuma confiança, é mais vantagem testar até mesmo o Juan ao lado do Réver, se for o caso. Os golzinhos que notabilizaram o desajeitado zagueiro no clube menor de onde veio, nunca mais rolaram.

Rômulo:

O cara veio pra ser titular, e tem que ser reserva. Tá muito aquém do tão criticado Márcio Araújo, Rômulo não está agregando em nada, nem na saída de bola, e muito menos na pegada defensiva. Ele precisa se adaptar, mas lá no banco de reservas.

Enfim, por hora essas são as minhas reivindicações, mandem também as suas aqui nos comentários, e vamos debater juntos seus red/black blocks do Flamengo.

Que os deuses do futebol estejam com o Flamengo!’

Vinny Dunga

Siga no Twitter:  twitter.com/DungaVinny (@DungaVinny)

Curta no Facebook: facebook.com/ColunaDoVinny

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/04/greve-geral-rubro-negra/