​Paolo Guerrero ou Leandro Damião. Com o peruano totalmente recuperado de uma gastroenterite, mas com Damião vivendo boa fase, o técnico do Flamengo terá uma dor de cabeça e tanto para definir quem será o comandante do ataque rubro-negro no final de semana. As informações são do Lance!.

- Guerrero ainda estava se recuperando, e Damião achávamos que seria importante na retenção de bola ofensiva e, principalmente, ajudando defensivamente. Ele fez um esforço muito grande, tanto na frente quanto atrás - explicou Zé Ricardo, sobre a opção de iniciar com Damião contra o Palmeiras

Não barramos o Guerrero, esperávamos poder contar com ele na sexta-feira de manhã por uma questão de logística. Optamos por manter o Leandro, dar uma sequência. Paolo é um dos principais atacantes do Brasil, contamos muito com ele - completou o comandante flamenguista.

Apesar das rusgas com a torcida, Paolo Guerrero viveu um bom momento antes de se ausentar pelas convocações e pelo problema da gastroenterite. O camisa 9, ao lado de Alan Patrick e Felipe Vizeu, é artilheiro do Fla no Brasileirão. Como titular, Damião não vem necessariamente empilhando gols, mas suas atuações são elogiadas pela grande taxa de participação nas jogadas de ataque.