Guerrero se apresenta ao Peru no dia 21 de maio para começar a preparação para a Copa do Mundo. De acordo com a Fifa, todos os atletas que vão disputar o Mundial têm direito a uma semana de recesso antes de iniciarem os trabalhos com suas respectivas seleções, mas o atacante do ​Fla pretende abrir mão de sua 'folga'.

Se Guerrero tivesse uma semana de descanso por causa da Seleção Peruana, o atacante ficaria à disposição para atuar contra a Chapecoense e depois seria liberado. Sem a folga, o camisa 9 poderá jogar contra o Emelec, pela Libertadores, no dia 16, e contra o Vasco, pelo Brasileirão, no dia 19.

​​