Inesquecível! Com dois golaços de Viniciur Junior, Mengão vence no "vira-virou" o Emelec

Inesquecível! Com dois golaços de Viniciur Junior, Mengão vence no "vira-virou" o Emelec
Foi na raça, no talento, drama, emoção e quantos adjetivos o leitor quiser colocar para qualificar a vitória desta noite. Mas acima de tudo foi Flamengo! Muito Flamengo! Dominando o jogo, com intensidade, passe, posse e qualidade técnica, a equipe ainda precisou virar o placar para conquistar os três pontos. E foi com dois golaços, anotados por Garoto do Ninho, do jeito que a Nação gosta.

Sócio-torcedor tem o orgulho de jogar junto em cada vitória: o dinheiro vai para o Futebol e traz mais reforços, revelações e estrutura para o CT. E ainda tem vantagens nas lojas oficiais para comprar o Manto e vestir com orgulho! Clique e faça sua adesão agora. 

Em suma: o Flamengo foi até o estádio George Capwell, em Guiaquil, no Equador, e venceu o Emelec por 2x1. A equipe agora soma quatro pontos e lidera sua chave na Conmebol Libertadores, com um jogo a mais que River Plate e Santa Fé, que se enfrentarão no início de abril. O próximo compromisso rubro-negro será contra os colombianos, no Rio de Janeiro, com portões fechados. A bola rola no dia 18 de abril.

O jogo

A partida foi pegada, corrida, mas com domínio rubro-negro em grande parte dos 90 minutos. Apesar do abafa do Emelec nos cinco primeiros minutos, o Flamengo soube segurar a bola e ditar o ritmo, para assim construir suas oportunidades.

Lucas Paquetá, Henrique Dourado, Diego batendo de fora da área, foram diversas as ocasiões de gol nos primeiros 45 minutos. A principal delas com o zagueiro Rhodolfo, que subiu alto para cabecear a bola após cobrança de escanteio pelo lado direito. O goleiro adversário fez grande defesa e evitou que o Mais Querido voltasse para o vestiário com a vantagem parcial.

No segundo tempo mudou o lado do campo, mas a tônica seguiu a mesma. Até certo ponto lá e cá, mas com o Flamengo dando as cartas. Mas se o futebol é o esporte do imponderável, na Libertadores ele ainda é mais cruel. Em um contra-ataque sem muita pretensão, Angulo acertou um chute, que desviou na defesa e encobriu Diego Alves. Aos 18 minutos da etapa complementar, os donos da casa estavam em vantagem.

Paulo Cesar Carpegiani mexeu na equipe. Lançou ao jogo Vinicius Junior, na vaga de Everton Ribeiro. O camisa 20 entrou pelo lado direito, deu velocidade no momento de pressão pelo resultado e acabou decidindo a partida.

Primeiro aos 32 minutos. Ao se ver sozinho, costurou, driblou três adversários, bateu de pé esquerdo e estufou a rede para empatar. E depois aos 40, em conclusão de canhota após assistência de Diego.

Números finais no placar do jogo. O Emelec não perdia em casa há um ano. Não perdia.

Quem sente o orgulho de ser sócio-torcedor faz o time mais forte e tem mais Flamengo sempre: descontos em ingressos e no pay-per-view, vídeos exclusivos para ficar por dentro, vantagens nas lojas oficiais para ter o Manto e outros produtos e muito mais. Clique e faça sua adesão agora!