• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Jogadores não gostaram de reclamação de Domènec sobre forma física do elenco do Fla

O Flamengo já viveu climas mais amistosos nos bastidores do clube. O Rubro-Negro é o último colocado no Campeonato Brasileiro, depois de se passarem duas rodadas da competição. Nestes casos, a insatisfação toma conta de dirigentes, comissão técnica e elenco. Os jogadores do Fla não escondem que se incomodaram bastante com as declarações de Domènec após a derrota por 3 a 0 para o Atlético-GO, na última quarta-feira (12).

 

O treinador, em entrevista coletiva pós-jogo, comentou: “Eu preciso de tempo, os jogadores precisam de tempo. Não para jogar com Dome como técnico, mas para estarem melhor fisicamente, jogarem mais jogos e voltarem a vencer“, se referindo à forma física dos atletas, que incomodou bastante o técnico após avaliação durante esta semana.

De acordo com o Uol Esporte, membros da diretoria do Flamengo chegaram a apontar a reclamação do treinador sobre a questão física do elenco como “desculpa” para o mau momento do time dentro de campo. Além disso, os atletas não gostaram do que ouviram e profissionais da comissão técnica permanente, assim como o departamento médico do clube, também se sentiram incomodados, pois acreditam que foram expostos. Ou seja, a insatisfação foi geral nos bastidores do clube carioca.

Dome“, como prefere ser chamado, prometeu monitorar mais de perto a forma física dos atletas. Durante a semana, após exames, foi detectado que todo o elenco, alguns com sobrepeso e outros com perda de massa muscular, está fisicamente longe do ideal. Com a saída de Jorge Jesus, o plantel tivera 11 dias de folga e apenas oito sessões de treinamentos, até a chegada de Domènec. Naturalmente, a intensidade nas atividades foi diminuída.

A saída de Jorge Jesus, que foi para o Benfica, fizera o elenco enxergar como um “fim de ciclo“. Até Domènec Torrent chegar ao Flamengo, no dia 03 de agosto, Maurício de Souza, do sub-20, comandou os treinamentos, com a orientação do auxiliar de preparação física Roberto Oliveira, o Betinho, que faz parte da comissão permanente do Rubro-Negro.

Publicado em colunadofla.com.