"É um momento que vai ficar marcado e vou levar para o resto da vida o Flamengo comigo. Não tem como não levar porque é um dos motivos para estar indo embora hoje para um clube com conhecimento enorme na Europa. Fico feliz pelo reconhecimento que tiveram por mim atuando pelo Flamengo. O carinho que vou deixar pelo torcedor é enorme. Sentimento de tristeza de estar saindo do clube que me criou, que fez eu virar homem, ter mais maturidade, a humildade aumentou... Hoje saio pela porta da frente, feliz, sei que dei meu melhor", disse o lateral.

Revelado pelo Rubro-Negro, o jogador de 20 anos garantiu que pretende continuar acompanhando o Flamengo, mesmo de longe.

"Vou estar sempre amando todos os torcedores, como sempre fiz desde pequenininho. E deixo o meu coração aqui, vou estar torcendo de longe pelos meus companheiros e essa nação maravilhosa. Mas vida que segue, futebol é uma caixinha de surpresas e fico feliz em ter ganhado essa caixinha", concluiu.

​​

​​